Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Rossi mais rápido no primeiro dia de testes de Sepang

Rossi mais rápido no primeiro dia de testes de Sepang

Os pilotos de MotoGP completaram o primeiro dia de testes na Malásia, com o Campeão do Mundo de 2009 a ser o mais rápido.

O primeiro e atarefado dia de trabalho para os pilotos oficiais de MotoGP terminou no Circuito Internacional de Sepang, esta quinta-feira, enquanto os preparativos para o início do Campeonato do Mundo deste ano continuaram

Valentino Rossi, da Fiat Yamaha, assinou a melhor marca dos entre os 17 presentes e o tempo do italiano de 2m01,411s na nova M1 ficou a menos de um segundo do ritmo que lhe valeu a pole position em 2009 na pista malaia (2m00,518s), tudo isto enquanto Rossi continuou o desenvolvimento do chassis e motor que tinha experimentado pela primeira vez em Valência, em Novembro passado.

A Ducati Desmosedici GP10 de Casey Stoner ficou a 0,491s de distância, com o australiano a efectuar 42 voltas. A equipa Ducati Marlboro está a testar novos garfos e duas carenagens – usadas nas últimas quatro corridas de 2009 – na moto que conta ainda com motor redesenhado.

Logo atrás ficou Colin Edwards, que gostou de rodar com a M1 da Monster Yamaha Tech3. O americano, que foi quinto no Campeonato do Mundo do ano passado, foi o terceiro melhor do dia e o último a rodar abaixo da marca m2m02s, com um tempo de 2m01,932s.

O primeiro piloto em pista foi Loris Capirossi, que começou a rodar às 9h07 locais. O italiano assinou o quarto registo do dia, 2m02,102s, efectuando um total de 58 voltas. A equipa oficial da Suzuki tem três chassis para testar por parte do veterano (um de 2009 e dois novos), enquanto o novo motor estará disponível na próxima visita a Sepang no final de Fevereiro.

Jorge Lorenzo esperou até à penúltima das suas 57 voltas para garantir o tempo de 2m02,165s, conseguido também aos comandos da nova M1. O vice-Campeão do Mundo de 2009 terminou o dia a 0,754s do rival e companheiro de equipa Rossi.

A Repsol Honda está a testar nova moto com pequenas alterações ao chassis que usaram no ensaio de Valência. O motor, modificado para melhor durabilidade, e alguns novos aspectos de electrónica estão a ser ensaiados por Andrea Dovizioso e Dani Pedrosa, que foram sexto e oitavo, respectivamente. O italiano ficou a 0,465s de Lorenzo, com Nicky Hayden, da Ducati Marlboro, em sétimo (2m02,792s).

O primeiro contacto de Mika Kallio com a Desmosedici GP10 resultou numa volta abaixo dos três segundos e num total de 70 voltas, terminando a jornada no nono posto da tabela de tempos.

Dos estreantes, Héctor Barberá foi o mais lesto com a sua Ducati ao assinar um tempo de 2m03,030s, estabelecido à 57ª das 59 voltas que efectuou. Atrás do espanhol ficaram sete pilotos num intervalo de 0,7s.

Aleix Espargaró foi 11º, com Ben Spies (Monster Yamaha Tech3) e Randy de Puniet (LCR Honda) à frente de Álvaro Bautista (Rizla Suzuki), Marco Simoncelli (San Carlo Honda Gresini), Marco Melandri (San Carlo Honda Gresini) e Hiroshi Aoyama (Interwetten Honda MotoGP). Simoncelli, da Gresini, tem uma RC212V com especificações de fábrica ao seu dispor.

A chuva por volta das 16h30 locais obrigou os pilotos a pararem meia hora antes do final previsto para o teste de hoje e a acção deverá ser retomada na manhã de sexta-feira pelas 9 horas locais.

Tags:
MotoGP, 2010

Outras actualizações que o podem interessar ›