Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Simón em forma em Valência

Simón em forma em Valência

O Campeão do Mundo de 125cc foi o mais rápido na sessão matinal do segundo dia de testes oficiais de 125cc e Moto2 no circuito de Valência, batendo o registo de segunda-feira de Toni Elías.

As condições fria da pista no teste oficial de Moto2 e 125cc no Circuito Ricardo Tormo, em Valência, não foram o bastante para abrandar os pilotos na terça-feira, com a sessão mista da manhã a terminar com Julián Simón, da Mapfre Aspar, a ser o mais rápido.

Dando continuidade ao bom trabalho levado a cabo no primeiro dia, o tempo do espanhol de 1m37,156s foi 0,374s mais rápido que o registo assinado por Elías na segunda-feira e mais de um segundo que o mais próximo rival nesta manhã de terça-feira.

Atrás de Simón ficaram Yuki Takahashi (Tech3 Racing), que com 1m37,635s ficou 0,176s à frente de Kenny Noyes (Jack&Jones by A.Banderas). Claudio Corti (Forward Racing) foi quarto com 1m37,943s e foi o último a rodar abaixo do segundo 38.

Thomas Lüthi (Interwetten Moriwaki Racing) continuou a fazer progressos com a sua máquina e melhorou bastante face ao primeiro dia ao terminar em quinto com 1m38,056s. Ele terminou apenas com uma margem de 0,005s sobre o sexto melhor, Alex de Angelis (Scot Racing).

Quem deu grande passo em frente foi Fonsi Nieto (G22 HolidayGym), cujo tempo de 1m38,151s foi bem mais de um segundo melhor que o conseguido no primeiro dia de trabalho e lhe valeu a sétima posição na tabela de tempos.

Toni Elías (Gresini Racing) – que foi o mais rápido na segunda-feira e cujo tempo ainda é o segundo melhor de todos – foi oitavo na terça-feira, enquanto Karel Abraham (Cardion AB Motoracing) e Jules Cluzel (Forward Racing) terminaram em nono e décimo, respectivamente.

Sergio Gadea (Pons Racing), que sofreu queda ontem e esteve em dúvida para hoje, mostrou-se apto para rodar e assinou a 16ª marca, enquanto o britânico Scott Redding (Marc VDS Racing) melhor o seu registo em quase seis décimos de segundo com 1m39,198s.

Dos pilotos de 125cc, Marc Márquez (Red Bull Ajo Motorsport) liderou com uns impressionantes 1m40,280s – pouco mais de seis décimos mais rápido que o tempo de Pol Espargaró na segunda-feira – e foi seguido por Efrén Vazquez (Bainet Derbi) e Nico Terol, com o companheiro de equipa na Bancaja Aspar Bradley Smith a ficar logo atrás.

Tags:
Moto2, 2010

Outras actualizações que o podem interessar ›