Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Hayden mostra ter regressado à forma com corrida de Losail

Hayden mostra ter regressado à forma com corrida de Losail

O piloto da Ducati Marlboro terminou em quarto depois de soberba prestação no Qatar, perdendo o mais baixo do pódio por apenas 0,011s.

O quarto posto na primeira corrida do Campeonato do Mundo de MotoGP de 2010 foi a melhor forma do piloto Ducati Marlboro, Nicky Hayden, mostrar as suas intenções para esta campanha, isto depois de ter lutado de forma admirável ao longo de toda a corrida na frente do pelotão para apenas ter sido batido por Andrea Dovizioso na luta pelo terceiro posto em cima da linha de meta.

Hayden foi batido por 0,011s, em cima da meta pelo italiano e ficou claramente insatisfeito por ter perdido um lugar no pódio na primeira corrida do ano. O americano falou da disputada corrida, a mesma em que o companheiro de equipa Casey Stoner caiu quando liderava ainda nos momentos iniciais.

“Depois de me ter qualificado em nono, terminar em quarto na corrida foi motivo de grande satisfação, mas ter a moto a funcionar tão bem na corrida e ser batido daquela forma doi!” admitiu Hayden. “Teria sido muito bom começar o ano com um pódio pelo menos.”

“Mesmo assim, fizemos algumas mudanças para a corrida que ajudaram muito a moto e consegui rodar como queria e puxar muito. Foi bom voltar a estar na frente, não foi fácil, mas dei o máximo. Gostei da corrida, mas teria sido bom ficar no pódio. Penso que ainda é um bom resultado, somámos bons pontos e temos uma longa época pela frente. Vou ter muitas oportunidades, por isso tenho de voltar e encontrar o que falta.”

Hayden sentiu-se encorajado pelo nível da sua Desmosedici GP10 de fábrica, moto que considera estar muito boa depois da primeira ronda.

Ele continuou: “A nossa moto está boa este ano, não tenho queixas. Por vezes levo muito tempo a sentir-me confortável, mas esta semana treinámos e qualificámo-nos em dois dias e foi só antes da corrida que fiz umas pequenas alterações que me deram mais aderência e tornaram toda a moto melhor.”

“Muito obrigado à equipa e a todos na Ducati porque trabalharam muito para me ajudar neste Inverno e fizemos muitas alterações. Foi muito trabalhoso, mas gostei e espero poder dar-lhes alguns resultados como retribuição e espero estar lá à frente em todas as corridas.”

O americano vai agora focar as suas energia em mais um pódio no Japão dentro de duas semanas.

“O Japão não tem sido a melhor pista para mim nos últimos anos, pelo que vai ser duro, mas vamos para lá para trabalharmos e tentarmos uma boa qualificação,” concluiu Hayden.

Tags:
MotoGP, 2010, COMMERCIALBANK GRAND PRIX OF QATAR, Nicky Hayden, Ducati Team

Outras actualizações que o podem interessar ›