Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Spies “super contente”, Edward procura mais aderência

Spies “super contente”, Edward procura mais aderência

Os dois pilotos da Monster Yamaha Tech3 conseguiram entrar nos pontos no Qatar, com Spies a arrecadar um notável quinto lugar na sua corrida de estreia no MotoGP.

Ben Spies fez uma corrida forte no arranque da sua carreira em MotoGP, com uma impressionante prestação em Losail, assinalando com um quinto lugar a sua chegada à Classe Rainha.

O americano da equipa Monster Yamaha Tech3 fez uma corrida inteligente a partir da 11ª posição, terminando a menos de quatro segundos do vencedor e actual Campeão do Mundo, Valentino Rossi.

“Para primeira corrida do ano, foi muito bom conseguir ficar entre os cinco melhores e conseguir ver o pódio lá à frente”, disse Spies, que foi o melhor rookie da corrida.

”Estou super contente e feliz por ter terminado, porque agora posso concentrar-me para encontrar o ritmo certo para a temporada. Agora vamos para uma pista que não conheço e vai ser um pouco difícil no Japão. A única coisa que posso fazer é dar 100%. Fizemos uma boa corrida aqui e penso que foi o começo de temporada perfeito. Penso que se tivéssemos feito uma melhor qualificação, não teríamos chegado ao pódio, mas pelo menos teríamos lutado por ele.”

Spies reservou um agradecimento especial para a equipa técnica, que o ajudou a preparar o protótipo M1 para a corrida, acrescentando: “Tenho que agradecer à equipa, fizemos alguma alterações na mota e conseguimos melhorar, por isso foi um bom final de fim-de-semana. Fiz algumas asneiras na qualificação, que nos colocaram numa má posição, mas fui muito agressivo nas primeiras voltas da corrida, porque sabia que era nessa altura que precisava de ser melhor.”

O seu companheiro de equipa também conseguiu pontuar para o Campeonato do Mundo, com um oitavo lugar. Mas, ao longo das 22 voltas da corrida, teve de lidar com a falta de aderência.

“Sair com um oitavo lugar é melhor do que nada”, acrescentou Edwards. “Lutei todo o fim-de-semana, mas não tinha aderência. Na qualificação consegui fazer alguma coisa de jeito, mas claro que com pneus mais moles a história é outra. Lutei o mais que podia e estou satisfeito pela forma como pilotei a mota. Apenas não consegui um bom ritmo.”

Antecipando a próxima corrida no Japão, Edwards adiantou: “Estou pronto para regressar ao normal depois da corrida nocturna! Consegui fazer pontos aqui e agora vamos para a próxima corrida em boa forma, por isso não poderá ser muito mau.”

Tags:
MotoGP, 2010, COMMERCIALBANK GRAND PRIX OF QATAR, Colin Edwards, Ben Spies, Monster Yamaha Tech 3

Outras actualizações que o podem interessar ›