Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Alzamora: “Márquez vai dar-se bem este ano”

Alzamora: “Márquez vai dar-se bem este ano”

O antigo piloto, que foi Campeão do Mundo de 125cc em 1999, tem passado os últimos anos a descobrir e desenvolver talentos.

A impressionante subida de Marc Márquez ao Campeonato do Mundo, como a de muitos outros pilotos na última década, deveu-se em boa parte ao trabalho da Monlau Competición, cujo objectivo é descobrir e desenvolver os mais talentosos pilotos e técnicos. Emílio Alzamora, antigo Campeão do Mundo de 125cc, tem trabalhado para o centro de treino nos últimos 11 anos, primeiro como conselheiro e, desde 2004, como director e responsável dos projectos desportivos.

Alzamora, que é o representante de Marc Márquez e ajudou a desenvolver a carreira do espanhol, falou do progresso do piloto e explicou também o trabalho da Monlau, que na passada semana viu outro dos seus pupilos ter sucesso. Alex Rins tornou-se no mais jovem piloto a vencer uma corrida de 125cc do CEV Buckler no domingo, depois de ter feito 14 anos em Dezembro — a idade mínima para competir.

“Outros antigos pilotos e eu temos experiência na competição e somos capazes de ver se um piloto tem, ou não, as características certas,” disse Alzamora quando instado a explicar o seu olho clínico para descobrir talentos. “Além da pista, usamos também o seu carácter e temperamento para tomarmos a decisão. Trabalhamos muito nestes aspectos, especialmente o método e dedicação que têm porque isso deve ser a prioridade. Quando vemos um jovem que quer ir para a moto de manhã, dia e noite, estamos já no bom caminho.”

“Na Monlau dedicámos quase 11 anos ao desenvolvimento de pilotos. Durante este tempo a escola produziu pilotos como Jorge Lorenzo, Aleix Espargaró, Pere Tutusaus, e muitos mais. Actualmente temos pilotos como Marc Márquez, Alex Rins e Alex Márquez, o irmão mais novo do Marc. Um já está no Campeonato do Mundo e os outros são jovens, talentosos e precisam de mais alguns anos no Campeonato de Espanha para mostrarem verdadeiramente o seu potencial,” afirmou Alzamora.

Ele acrescentou: “No intrincado do motociclismo espanhol há o CEV, que é gerido pela Dorna e é o melhor campeonato nacional e porta de entrada para o Campeonato do Mundo.”

Sobre o progresso de Marquéz, que dominou a pré-época e terminou a primeira corrida no Qatar no pódio com o terceiro lugar, Alzamora disse: “O Marc esta a atingir os objectivos que quer e todos nós contribuímos com o nosso conhecimento para o ajudarmos a atingir isto o mais depressa possível. Trabalhamos com o Marc desde os seus 12 anos e isto é algo que leva tempo até produzir resultados.”

Continuando a avaliação do piloto da Red Bull Ajo Motorsport, Alzamora disse: “Ficámos surpreendidos que a sua rápida adaptação à moto e nova equipa, mas tinha a certeza que se ia dar bem. Estou certo que vai estar muito bem este ano e temos de continuar da mesma forma, a divertirmo-nos e a manter a mesma ambição e os resultados vão surgir.”

Tags:
125cc, 2010, Marc Marquez

Outras actualizações que o podem interessar ›