Compra de bilhetes
VideoPass purchase

De Puniet e o seu chefe de equipa falam da suspensão

De Puniet e o seu chefe de equipa falam da suspensão

O piloto da LCR Honda e o seu chefe de equipa, Christophe Bourguignon, falam da importância da suspensão moto e piloto.

É um aspecto técnico com o qual equipas e pilotos gastam muito tempo e a suspensão desempenha papel muito importante na prestação de uma máquina de MotoGP e nas sensações que o piloto tem com o seu protótipo.

Randy de Puniet, da LCR Honda MotoGP Team, e o seu chefe de equipa Christophe Bourguignon reservaram algum tempo para falarem da suspensão, com Bourguignon a começar por explicar o seu funcionamento.

“As suspensões são os elementos que ligam as partes rígidas da moto,” começou. “Numa moto as partes rígidas são o sistema de travões, rodas frontal e traseira e também o braço oscilante e suportes da suspensão traseira. O papel da suspensão é ligar esses elementos ao motor e chasssis.”

Ele continuou; “As suspensão permite que a moto absorva as irregularidades da pista e também que se mantenha o controlo da transferência de massas em travagem e aceleração, enquanto optimiza o comportamento da moto e prestação dos pneus.”

De Puniet deu então o ponto de vista do piloto quanto às suas preferências de suspensão no que toca à afinação da sua RC212V.

“Para mim, todos os aspectos da suspensão são importantes, mas a travagem talvez seja o mais crucial: a estabilidade da moto é vital porque a frente da moto não deve ceder muito quando se trava e a traseira tem de ser macia suficiente para absorver as irregularidades do piso,” disse. “Para travar prefiro ter a moto estável, com a traseira a não fugir muito e sem saltar muito. Alguns pilotos podem preferir a moto mais dura, depende do estilo de pilotagem, mas eu prefiro-a estável, a virar com facilidade quando se libertam os travões.”

De Puniet acrescentou: “As suspensões também garantem a ligação com a pista na traseira: a rodar traseira deve absorver as irregularidades da melhor forma possível para se ter o máximo de tracção.”

Tags:
MotoGP, 2010, GRAN PREMIO bwin DE ESPAÑA, Randy de Puniet, LCR Honda MotoGP

Outras actualizações que o podem interessar ›