Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Smith espera ter conseguido encontrar o ritmo certo

Smith espera ter conseguido encontrar o ritmo certo

O Monster Energy Grande Prémio de França deste fim-de-semana dará ao piloto da Bancaja Aspar a oportunidade para provar que está de regresso à luta pelo título no Campeonato.

Bradley Smith está à espera de um bom fim-de-semana em Le Mans, depois de ter trabalhado no duro nas três semanas que passaram desde o Grande Prémio espanhol. O piloto britânico lutou com a afinação da sua Aprilia nas duas primeiras rondas, mas acredita que a equipa já encontrou a solução para o problema que o estava a afectar.

 

"As duas últimas semanas foram muito importantes para mim porque tivemos tempo para analisar porque não fomos rápidos como queríamos nas duas primeiras corridas”, disse Smith, que apesar dos problemas que enfrentou está em quarto na classificação do Campeonato. “Agora temos as coisas controladas e eu e a equipa temos trabalhado para regressar ao ritmo que alcançamos na época passadas”.

 

Nos últimos anos, Smith conseguiu chegar ao pódio do circuito francês por duas vezes e, na temporada passada, terminou em quarto.

 

“Estou ansioso para começar a trabalhar em Le Mans, que é um circuito que se adequa ao meu estilo e me traz boas recordações, incluindo dois pódios e a volta mais rápida na corrida do ano passado”, afirmou o jovem. “É um circuito de estilo inglês, com muitas curvas, por isso vamos ter que trabalhar muito na afinação da mota para termos a certeza que estamos prontos. Apesar dos problemas que tivemos nas duas primeiras rondas, estou em quarto no Campeonato, por isso, agora é a altura de acordar e reduzir a diferença com os que estão na frente".

 

Smith irá tentar aproximar-se no seu companheiro de equipa, Nico Terol, que está na frente da classificação com mais 24 pontos e também se mostra ansioso por entrar na pista francesa e aumentar a vantagem já alcançada.

 

"Le Mans é um circuito como muitos outros e lembro-me de no ano passado ter caído duas vezes quando liderava a corrida, que foi molhada, e ter terminado em nono”; recordou. “Foi a minha melhor classificação na temporada numa corrida com chuva. Começámos a temporada bem e isso motiva-me para entrar na pista e trabalhar outra vez muito”.

 

“Sei que posso ser rápido em Le Mans e estar outra vez na frente, por isso não quero perder a oportunidade. É uma sensação muito boa estar a liderar o Campeonato e, até agora, trouxe-se muita tranquilidade e motivação para continuar a trabalhar da mesma maneira com toda a equipa”.

Tags:
125cc, 2010, MONSTER ENERGY GRAND PRIX DE FRANCE, Nicolas Terol, Bradley Smith, Bancaja Aspar Team

Outras actualizações que o podem interessar ›