Compra de bilhetes
VideoPass purchase

O passado de Silverstone revisitado

O passado de Silverstone revisitado

O MotoGP está de volta ao circuito pela primeira vez desde 1986 para o AirAsia British Grand Prix neste fim-de-semana. Fique ao corrente de alguns factos e estatísticas interessantes sobre a história de GPs da pista de Northamptonshire.

Este fim-de-semana o MotoGP regressa a Silverstone depois de uma ausência de 24 anos e durante uma década, entre 1977 e 1988, o Campeonato do Mundo disputou alguns GPs memoráveis no traçado.

Durante esse período foram vários os momentos e emoções sentidos e vividos, como a primeira dobradinha de pilotos norte-americanos em GPs, quando Pat Hennen e Steve Baker assinaram os primeiro e segundo postos na primeira corrida de 500cc disputada em Silverstone. Além disso, em cada um dos dez eventos disputados entre 1977 e 1986 houve ainda corridas de sidecars, bem como os tradicionais Grandes Prémios.

Nesses tempos, quando os tempos eram cronometrados ao centésimo de segundo mais próximo, teve lugar a mais disputada prova de sempre em Silverstone, em 1979, com apenas 0,03s a separarem Kenny Roberts e Barry Sheene. Os primeiros cinco pilotos a cruzarem a meta nas 250cc em 1983 ficaram separados por 0,4 segundos – o Top 5 mais próximo dos 61 anos de história da classe de 250cc.

Em 1979 a Honda estreou a NR500 a 4 tempos, em clara oposição às estabelecidas 2 tempos das 500cc. As motos foram pilotadas por Mick Grant e Takazumi Katayama. Grant sofreu queda na primeira curva e Katayama completou uma mão cheia de voltas antes de desistir. Freddie Spence rodou numa versão melhorada da NR500 em Silverstone em 1981 e chegou a ocupar a quinta posição antes de desistir com problemas mecânicos.

Kork Ballington e Angel Nieto foram os pilotos mais bem sucedidos em Silverstone; cada um deles venceu seis corridas na pista. A vitória de Toni Mang em 1985 fez dele o único piloto a ganhar corridas de GP de 250cc com três marcas nipónicas diferentes: Kawasaki, Yamaha e Honda.

Silverstone foi também um palco positivo para os pilotos da casa. Foram dez os britânicos a terminarem no pódio em todas as classes dos Grandes Prémios (excluindo sidecar) em Silverstone: Barry Sheene (1978/500cc/3º, 1979/500cc/2º), Tom Herron (1978/250cc/2º, 1978/350cc/2º), John Williams (1977/350cc/3º), Steve Manship (1978/500cc/2º), Mick Grant (1978/350cc/3º), Clive Horton (1978/125cc/2º), Keith Huewen (1981/350cc/2º), Andy Watts (1984/250cc/2º), Ron Haslam (1984/500cc/3º) e Ian McConnachie (1986/80cc/1º). contudo, Sheene continua a ser o único britânico a ter partido da pole em Silverstone em todas as classes de GP (sidecar excluidos), quando assumiu a primeira posição da grelha de 500cc em 1977.

Tags:
MotoGP, 2010, AIRASIA BRITISH GRAND PRIX

Outras actualizações que o podem interessar ›