Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Spies com mais uma prestação impressionante

Spies com mais uma prestação impressionante

O quarto lugar no TIM TT Assen foi outra forte prestação do piloto da Monster Yamaha Tech 3, apenas seis dias depois de ter garantido o primeiro pódio de MotoGP.

Ben Spies voltou a fazer uma boa corrida, terminando o TIM TT Assen na quarta posição, menos de uma semana depois de ter garantido o seu primeiro pódio de MotoGP, em Silverstone.

O americano partiu da segunda linha da grelha da corrida de sábado directamente para o segundo posto, fazendo uma fantástica partida quando as luzes se acederam, lutando contra o vencedor da corrida, Jorge Lorenzo, e os dois outros homens do pódio, Dani Pedrosa e Casey Stoner, nas primeiras voltas. No decorrer da corrida, Spies caiu para a quinta posição, mas acabou por conseguir ultrapassar Andrea Dovizioso e segurar o italiano, mantendo o quatro lugar até à linha da meta. Nas duas últimas jornadas, conseguiu, assim, assinar os seus dois melhores resultados da época.

“Hoje queria pelo menos o quarto lugar e estou feliz, mas não conseguir ter ritmo para o pódio, como em Silverstone”, disse Spies. “Fiz uma boa partida e estou satisfeito com isso. Corri com os pneus macios porque eram melhores para fazer as curvas e a temperatura estava mais alta do que no resto do fim-de-semana. Mas, isso não funcionou tão bem como eu esperava nas primeiras dez voltas e depois, quando o Dani e o Casey se aproximaram eu sabia que os estava a travar”.

Depois aconteceu a luta com Dovizioso, com Spies e o homem da Repsol Honda quase a tocarem-se, antes do piloto da Monster Yamaha Tech 3 conseguiu ir-se embora.

“Tentei tanto quanto podia, mas o Andrea ultrapassou-me. Mas, quando os pneus deles acabaram, ficou tudo nas minhas mãos e voltei a colar-me a ele e consegui passá-lo”, explicou Spies. “A luta pelo pódio já estava mais à frente e, depois a três voltas do final, ouvi o Andrea e o Randy atrás de mim. Pus a minha cabeça para baixo e consegui distanciar-me deles. Estava a derrapar muito, mas consegui ir embora”.

A temporada de estreia de Spies no MotoGP continua agora com a visita a Montmeló, para a sétima ronda, que será outro novo desafio para o jovem.

“Estou contente com o resultado que consegui aqui e para a semana vamos para a Catalunha. É uma pista que eu não conheço e penso que vou estar outra vez de pé atrás. Mas, vou fazer o que fiz nas duas últimas semanas e dar o meu máximo”, concluiu o jovem de 25 anos, que é oitavo na classificação geral do Campeonato, com 49 pontos.

Tags:
MotoGP, 2010, TIM TT ASSEN, Ben Spies, Monster Yamaha Tech 3

Outras actualizações que o podem interessar ›