Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Lorenzo espera oposição de Pedrosa e Stoner

Lorenzo espera oposição de Pedrosa e Stoner

Com uns substanciais 47 pontos de margem na frente do Campeonato antes do Gran Premi Aperol de Catalunya, o piloto da Fiat Yamaha sabe que um resultado no pódio em casa servirá para manter uma vantagem saudável.

Jorge Lorenzo está tranquilo à chegada à sétima jornada do Campeonato do Mundo de MotoGP de 2010 deste fim-de-semana, com o Gran Premi Aperol de Catalunya a completar uma sequência de três corridas seguidas.

O muito atarefado calendário das últimas semanas parece não ter afectado o jovem de 23 anos da Fiat Yamaha, que lidera o Campeonato com 47 pontos de margem depois de ter ganho as últimas duas corridas em Silverstone e Assen.

Agora a caminho da corrida em casa o espanhol sabe que está numa posição muito forte e que a pressão está do lado dos seus rivais que têm de recuperar terreno. “Temos 47 pontos de vantagem sobre o segundo classificado no Campeonato, pelo que podemos terminar em segundo ou terceiro, mas os outros têm de ganhar todas as corridas até ao final da temporada. É claro que vamos tentar ganhar, mas se não formos capazes vamos tentar terminar as corridas,” explicou Lorenzo ao motogp.com

“Em teoria, tirando nós o Pedrosa é o favorito porque está em segundo no Campeonato, fazendo com que ele e o Stoner sejam os mais perigosos. Mas todas as corridas são diferentes, pelo que temos de ver o que acontece.”

A corrida do ano passado foi palco daquela que muitos consideraram a luta do ano pela vitória entre Lorenzo e o companheiro de equipa Valentino Rossi – que continua de fora devido a lesão. O italiano venceu a batalha, mas Lorenzo espera que sejam outros a protagonizar o mesmo tipo de desafio na falta do piloto de 31 anos.

“No ano passado tive a oportunidade de ganhar, mas o Valentino foi mais inteligente que eu na última curva, ultrapassou-me no final e terminei em segundo,” disse. “Este ano, sem ele há menos um piloto, mas os outros e as outras marcas estão muito competitivas, pelo que para vencer temos de lutar desde o início e até à última volta da corrida.”

Lorenzo pode ficar contente com um pódio em casa este ano, mas no fundo está desejoso por ganhar perante o seu público numa pista onde ainda não triunfou na categoria rainha. O segundo lugar do ano passado foi o seu melhor resultado de MotoGP até ao momento, mas já venceu nas 250cc em 2007 a caminho do título.

Tags:
MotoGP, 2010, GRAN PREMI APEROL DE CATALUNYA, Jorge Lorenzo, Fiat Yamaha Team

Outras actualizações que o podem interessar ›