Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Yoshikawa preparado para primeira corrida no lugar de Rossi

Yoshikawa preparado para primeira corrida no lugar de Rossi

O piloto de testes japonês vai iniciar a sua participação no Campeonato do Mundo como substituto de Valentino Rossi aos comandos da Fiat Yamaha M1 no Gran Premi Aperol de Catalunya deste fim-de-semana.

Depois de três corridas como único representante da Fiat Yamaha, Jorge Lorenzo contará com a companhia de Wataru Yoshikawa em pista no Gran Premi Aperol de Catalunya deste fim-de-semana. O piloto de testes entra para a equipa de fábrica para a primeira prova como substituto de Valentino Rossi na sétima jornada do ano, isto enquanto o italiano continua a recuperar da fractura na perna que contraiu na perna há quase quatro semanas em Mugello.

O muito experiente Yoshikawa, de 41 anos, é um dos principais pilotos do programa de desenvolvimento de MotoGP da Yamaha e conhece bem a moto de Rossi, isto além de estar desejoso por aumentar o número de corridas na categoria rainha, já que conta apenas com uma, em Motegi, em 2002.

"Estou excitado por correr com a M1 em Espanha nesta semana, isto apesar de ter muita pena da lesão do Valentino,” disse Yoshikawa, que já conquistou dois ceptros nipónicos de SBK. “Só participei numa corrida de MotoGP no passado, em Motegie em 2002, e será a primeira vez que rodo em Montmeló.”

“Vemos dos resultados da equipa nesta época que a Yamaha fez um bom trabalho com o desenvolvimento de Inverno da M1 e estou certo que estas corridas em que vou participar serão muito importantes para o futuro desenvolvimento da nossa moto."

Este fim-de-semana vai também voltar à acção a equipa Fiat Yamaha de Rossi, incluindo o mecânico chefe Jeremy Burgess e com o Director Desportivo Davide Brivio ao comando dos procedimentos.

"Este fim-de-semana a nossa equipa vai voltar ao paddock depois de um período estranho a ver as corridas em casa!” disse Brivio. “Vamos para Barcelona, donde temos boas memórias do ano passado. É claro que vamos sentir a falta do Valentino, mas ele está a recuperar bem e vai dar todo o seu apoio ao Wataru.”

“Vai ser bom ver outra vez quatro M1 em pista, o Wataru é um piloto experiente, isto apesar de não conhecer Barcelona, e vamos ver o que acontece,” concluiu o italiano.

Tags:
MotoGP, 2010, GRAN PREMI APEROL DE CATALUNYA, Fiat Yamaha Team

Outras actualizações que o podem interessar ›