Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Lorenzo confortável desde o início

Lorenzo confortável desde o início

Na cabeça da tabela de tempos de FP1 em casa, no Gran Premi Aperol de Catalunya, Lorenzo mostrou-se contente com o trabalho levado a cabo na sessão e deixou bem claro o objectivo para o fim-de-semana.

Jorge Lorenzo está em busca da terceira vitória consecutiva da época neste fim-de-semana em Montmeló enquanto tenta destacar-se ainda mais na frente da classificação do Campeonato e o piloto da Fiat Yamaha começou o GP caseiro da melhor forma possível ao garantir o tempo mais rápido da primeira sessão de livres.

Um volta rápida (a sua 17ª de 27) em 1m43,259s colocou Lorenzo na frente com 0,153s de margem sobre o rival mais próximo, Casey Stoner, e o espanhol sentiu-se bem aos comandos da M1 desde o primeiro momento. “Desde o início do treino que me senti confortável com e os tempos por volta também foram rápidos desde logo,” disse. “Não tive dificuldades em conseguir o melhor tempo da sessão.”

O único problema encontrado por Lorenzo foi a aderência traseira, mas considerou que tal se deveu às elevadas temperaturas que se fizeram sentir na pista, com o asfalto a chegar aos 52ºC.

Ele continuou: “O único problema foi a pista estar muito escorregadia, de tal forma que não consegui melhorar muito o tempo que estabeleci a meio da sessão. A traseira estava a fugir muito, o que em parte se deveu ao muito calor que se fez sentir, mas vamos tentar melhorar isto amanhã.”

Antes da corrida Lorenzo tinha afirmado que não se sentia sobre grande pressão para vencer em casa graças ao triunfo conseguido em Jerez no início do ano e apontou que um pódio seria o bastante para lutar pelo título.

“Sei que todos os meus fãs querem que ganhe e, para seu honesto, gostava de tentar ganhar,” admitiu. “Mas tempos de ver o que acontece durante as próximas duas sessões... Vamos ver se os outros melhoram os seus tempos por volta e se melhoro o meu e depois durante a tarde de amanhã decidirei se vou lutar pela vitória, ou se vou jogar pelo seguro.”

O Director Desportivo de Lorenzo, Wilco Zeelenberg, acrescentou que serão feitas comparações entre a afinação de hoje e a do ano passado para tentar melhorar a moto ao longo do fim-de-semana.

"Foi bom sermos os mais rápidos nestas condições tão quentes, mas temos claramente espaço para melhorar porque a moto não se portou totalmente como queríamos durante o dia de hoje,” disse o holandês. “De momento o problema é a traseira a fugir, pelo que temos de ter cuidado na nossa afinação e fazer alterações. Amanhã vamos continuar a comparar as afinações do Jorge do ano passado com a de hoje e ver se conseguimos melhorar alguma coisa."

Tags:
MotoGP, 2010, GRAN PREMI APEROL DE CATALUNYA, Jorge Lorenzo, Fiat Yamaha Team

Outras actualizações que o podem interessar ›