Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Márquez revê vitória na Catalunha, recorde batido

Márquez revê vitória na Catalunha, recorde batido

O piloto de 17 anos da Red Bull Ajo Motorsport tornou-se no domingo no mais novo de sempre a vencer quatro Grandes Prémios consecutivos, batendo o recorde de Valentino Rossi.

A habilidade de Marc Márquez nunca foi colocada em dúvida, mas no domingo o piloto da Red Bull Ajo Motorsport voltou a recordá-la, quando venceu nas 125cc no Gran Premi Aperol de Catalunya.

Antes da ronda quatro em Mudello, o jovem de 17 nunca tinha vencido um Grande Prémio do Campeonato do Mundo, com o seu melhor resultado a ser um terceiro lugar, posto que assegurou esta temporada por duas vezes e outras duas vezes em 2008 e 2009. A sua estreia nos triunfos em Itália colocou-o, contudo, no caminho das vitórias, com o piloto espanhol a vencer as quatro corridas seguintes, incluindo a sua corrida caseira no domingo.

Ao assegurar a pole position no domingo em Montmeló, Márquez tornou-se no mais jovem piloto a partir na frente em três corridas consecutivas de Grandes Prémios, tirando o recorde a Valentino Rossi. A sua vitória no domingo tornou-o igualmente no mais jovem de sempre a ganhar quatro corridas consecutivas, um recorde até agora nas mãos do lendário italiano.

“Não estávamos à espera disto, porque o circuito é difícil, mas na primeira volta estava com confiança na mota e tentei acelerar”, disse Márquez, que venceu com uma vantagem de 4.638s. “Vi que o tempo que me separava da segunda posição estava a aumentar, por isso sabia um pouco o que podia esperar a partir dali”.

Ele acrescentou ainda: “Este é um momento fantástico - quatro vitórias é muito bom, mas vamos ver se continua na Alemanha e tenho também de agradecer à equipa, a Red Bull and Repsol. Estão estão mesmo a trabalhar muito”.

A vitória também levou Márquez para a liderança da classificação do Campeonato, com apenas um ponto a mais do que Pol Espargaró, depois de uma corrida em que o principal adversário Nico Terol caiu.

“Isto dá-me muita confiança. Nunca tinha estado na frente do Campeonato do Mundo, mas este ano é agora uma boa oportunidade, penso eu”, referiu. “A coisa mais importante é continuar aqui, na frente. Agora eu e o Espargaró estamos lá, mas tenho a certeza que o Nico vai regressar, porque ele é muito talentoso e rápido”.

Tags:
125cc, 2010, GRAN PREMI APEROL DE CATALUNYA, Marc Marquez, Red Bull Ajo Motorsport

Outras actualizações que o podem interessar ›