Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Stoner marca ritmo em Laguna Seca

Stoner marca ritmo em Laguna Seca

O piloto da Ducati Team foi dois décimos de segundo mais rápido que Jorge Lorenzo e ficou apenas a 0,021s do tempo que deu a pole ao espanhol em 2009 logo na primeira sessão de livres do Red Bull U.S. Grand Prix.

Casey Stoner encontrou bom ritmo desde o primeiro momento em Laguna Seca ao garantir o melhor tempo da sessão livres desta tarde de sexta-feira. O australiano rodou de forma consistente e rápida após ter trocado de motos ainda nos momentos iniciais da sessão depois de se mostrado insatisfeito com as sensações que estava a ter com frente da montada.

Nos últimos cinco minutos Stoner assinou a sua melhor marca em 1m21,699s, apenas a 0,021s do tempo que valeu a pole a Lorenzo no ano passado e com uma margem de 0,233s no topo da tabela de tempos. O piloto da Fiat Yamaha e líder do Campeonato, Lorenzo, foi o outro único piloto a rodar abaixo do segundo 22, também ele a ter um bom início de fim-de-semana com um registo de 1m21,932s.

Andrea Dovizioso foi o melhor piloto Honda na sessão ao rodar com a sua RC212V de fábrica em 1m22,225s, apenas mais meio segundo que Stoner. O companheiro de equipa do italiano na Repsol Honda, Dani Pedrosa, o vencedor do ano passado em Laguna Seca, foi o quarto mais lesto a três décimos de segundo de Dovizioso.

Ben Spies, da Monster Yamaha Tech 3, foi o melhor americano da sessão. O estreante – a rodar numa das poucas pistas onde já tinha corrida com uma máquina de MotoGP – assinou um crono de 1m22,640s perto do final do treino para garantir o quinto posto. Valentino Rossi (Fiat Yamaha) foi sexto e o último a rodar a um segundo de Stoner; o italiano, que ainda está a recuperar de lesão, ficou a 0,961s da marca do australiano.

Os norte-americanos Nicky Hayden (Ducati Team) e Colin Edwards (Monster Yamaha Tech3) ficaram em sétimo e oitavo, respectivamente, com Marco Melandri (San Carlo Honda Gresini Team) e Aleix Espargaró (Pramac Racing) a fecharem a lista dos dez primeiros.

Marco Simoncelli (San Carlo Honda Gresini Team) sofreu queda, mas saiu ileso do contratempo para voltar à pista e ser o 12º da sessão, isto enquanto Roger Lee Hayden, o substituto de Rande de Puniet na LCR Honda, ficou em 17º, a pouco menos de quatro segundos de Stoner naquele que foi o seu primeiro contacto com a RC212V satélite.

Tags:
MotoGP, 2010, RED BULL U.S. GRAND PRIX, FP1

Outras actualizações que o podem interessar ›