Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Spies satisfeito com lugar entre os seis primeiros

Spies satisfeito com lugar entre os seis primeiros

O piloto da Monster Yamaha Tech 3 admitiu que queria um pódio na sua corrida caseira em Laguna Seca, mas ficou satisfeito por ter terminado em sexto.

O desejo de Ben Spies era alcançar o pódio no Red Bull U.S. Grand Prix em frente aos seus fans caseiros em Laguna Seca, mas o piloto da Monster Yamaha Tech 3 falhou esse objectivo e terminou no sexto posto.

O jovem de 26 anos lutou com o seu compatriota Nicky Hayden e com Valentino Rossi no início da corrida, com uma boa partida a partir da segunda linha da grelha a colocá-lo na terceira posição.

“Fiz uma partida muito boa e conseguiu chegar-me à frente, à terceira posição, mas depois nas voltas seguintes não consegui ser suficientemente rápido. O grupo da frente estava a aumentar a distância para mim, mas assim que consegui o ritmo certo, apanhei rapidamente o Nicky e o Valentino”, disse Spies.

“Passei o Nicky e fiquei mesmo atrás do Valentino e depois foi uma boa luta com ele. Ia precisamente tentar ultrapassá-lo na volta seguinte, quando tive um problema ao entrar na última curva na volta 25. Abri a trajectória e perdi terreno, mas apesar de não ter estado no pódio em frente aos meus fans, tal como queria, estou contente porque fui rápido e consegui chegar ao ritmo que me permitia um lugar entre os três primeiros. Mas, não consegui terminar da forma como queria”.

Satisfeito com o sexto lugar, Spies acrescentou ainda: “Prefiro sair daqui sabendo que podia ter estado no pódio, do que ficar em oitavo e não ter tido o ritmo que precisava. Não posso pedir mais, porque fiquei outra vez entre os seis primeiros e lutei muito, não estou muito chateado”.

Tags:
MotoGP, 2010, RED BULL U.S. GRAND PRIX, Ben Spies, Monster Yamaha Tech 3

Outras actualizações que o podem interessar ›