Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Elías conquista terceira vitória consecutiva em Indy

Elías conquista terceira vitória consecutiva em Indy

O líder do Campeonato do Mundo de Moto2 dilatou a vantagem na frente da classificação para 67 pontos com a quinta vitória de 2010 – a terceira consecutiva – com Julián Simón e Scott Redding a completarem o pódio.

Toni Elías venceu o Red Bull Indianapolis Grand Prix de Moto2 com a sua já característica pilotagem cuidada no domingo, somando o terceiro triunfo consecutivo, o primeiro da sua carreira, e destacando-se ainda mais na liderança. O piloto da Gresini Racing conta agora com 67 pontos de margem ao cabo de dez provas na corrida ao primeiro título da categoria depois de ter batido Julián Simón (Mapfre Aspar) e Scott Redding (Marc VDS Racing Team).

A corrida foi reatada e encurtada para 17 voltas devido a duas quedas separadas na primeira volta do primeiro embate, o que obrigou à apresentação da bandeira vermelha e deixou Shoya Tomizawa (Technomag-CIP) e Michael Ranseder (Vector Kiefer Racing) foram do combate devido a problemas físicos e mecânicos, respectivamente.

O líder do Campeonato Elías fez partida fantástica tirando o melhor partido do lugar deixado vago na primeira linha da grelha por Simone Corsi (JiR Moto2) para salta desde logo para o primeiro posto. Corsi largou do final da grelha devido a problemas com a moto resultantes da queda e não conseguiu tirar partido do quarto posto em que se tinha qualificado. Ainda assim o piloto levou a cabo magnífica recuperação ao longo da prova.

Houve mais quedas nos momentos iniciais da corrida com Alex Debón, Vladimir Ivanov, Héctor Faubel, Stefan Bradl, Ricky Cardús, Yusuke Teshima, Yuki Takahashi, Roberto Rolfo, Jules Cluzel e Raffaele de Rosa a serem os azarados. Ratthapark Wilairot também foi ao chão a nove voltas do final e quando lutava pela sétima posição.

Elías e Simón envolveram-se em luta pela liderança com Redding a ser espectador próximo em terceiro e sempre sem perder contacto com a dupla, mas a seis voltas do final Elías fez soberba ultrapassagem por fora sobre Simón para assumir a liderança, posição que manteve até final para terminar com pouco mais de quatro décimos segundos de margem sobre o compatriota.

Redding assinou o primeiro pódio de Moto2 ao cruzar a meta em terceiro, a menos de quatro segundos de Simón e depois de se ter mostrado forte ao longo de todo o fim-de-semana. Andrea Iannone (Fimmco Speed Up) foi quarto depois de ter partido da sétima linha da grelha, enquanto Corsi completou a lista dos cinco primeiros com fantástica recuperação desde o final da grelha.

Iannone continua em segundo da geral, com Thomas Lüthi – que foi sétimo – e Simón empatados a 108 pontos em terceiro e quarto. Corsi subiu a quinto graças ao resultado. Ausente da corrida este Fonsi Nieto, que foi hoje operado em Indianápolis à fractura no tornozelo partido na qualificação de sábado.

Tags:
Moto2, 2010, RED BULL INDIANAPOLIS GRAND PRIX, RAC, Toni Elias

Outras actualizações que o podem interessar ›