Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Equipas de Moto2 fazem teste de um dia em Valência

Equipas de Moto2 fazem teste de um dia em Valência

Julián Simón e o jovem britânico Scott Redding foram alguns dos pilotos da categoria intermédia presentes no circuito do Campeonato do Mundo na segunda-feira.

Oito pilotos do Campeonato do Mundo de Moto2 estiveram no circuito Ricardo Tormo, em Valência, na segunda-feira para afinarem as suas montadas com vista à 12ª Jornada do Mundial que tem lugar este fim-de-semana, o Gran Premio A-Style de Aragón.

Na frente da tabela de tempos oficiosa ficou Julián Simón, da Mapfre Aspar. O actual segundo da geral deu continuidade ao trabalho que tinha iniciado no mesmo traçado na quarta-feira passada.

“Foi um dia muito positivo, tal como o da semana passada,” disse Simón que completou 72 voltas com uma marca oficiosa de 1m36,6s. “Continuámos a trabalhar na suspensão e conseguimos testar diferentes peças. A ideia era compará-las para podermos seguir em frente com as coisas que funcionaram bem. Depois desta sessão temos boa base para irós para Aragón. A afinação está boa, melhor que no outro dia, mas estou ainda mais contente com as sensações positivas que tive na moto.”

Atrás de Simón na tabela de tempos ficou o gaulês Jules Cluzel, da Forward Racing, com o espanhol Héctor Faubel a completar o Top 3. Também em pista esteve o companheiro de Faubel na Marc VDS Team, Scott Redding, que rodou pela primeira vez desde a queda de Misano.

"Foi bom voltar hoje à pista em Valência. Levei algumas voltas a readaptar-me à moto e pneus, mas no final do dia já estava melhor,” disse o britânico de 17 anos depois de efectuar 53 voltas. “Tiraram-me os pontos das costas esta manhã, mesmo antes do teste, e, tirando o roçar do meu protector das costas, estava tudo bem.”

Ele acrescentou: “Estou desejoso pela corrida deste fim-de-semana em Aragón. A pista é muito especial, com um pouco de tudo: curvas rápidas, lentas e algumas rectas longas. Tivemos um fim-de-semana muito duro em Misano, há duas semanas, como todo o paddock dos Grandes Prémios, mas quero recuperar neste fim-de-semana com mais um bom resultado. "

Estiveram em pista mais três pilotos, um deles Román Ramos que vai correr em Aragón como wild card pela MIR Racing Team.

Tempos oficiosos:

1. Julián Simón, Mapfre Aspar Team – 1’36.6 (72 voltas)
2. Jules Cluzel, Forward Racing – 1’37.5 (75 voltas)
3. Héctor Faubel, Marc VDS Racing Team – 1’38.1 (77 voltas)
4. Román Ramos, MIR Racing – 1’38.3 (25 voltas)
5. Ratthapark Wilairot, Thai Honda PTT Singha-SAG – 1’38.4 (42 voltas)
6. Ricard Cardús, Maquinza SAG – 1’38.4 (58 voltas)
7. Scott Redding, Marc VDS Racing – 1’38.5 (53 voltas)
8. Mike di Meglio, Mapfre Aspar Team – 1’38.5 (57 voltas)
9. Dominique Aegerter,Technomag-CIP – 1’39.0 (44 voltas)

Tags:
Moto2, 2010, Julian Simon, Forward Racing, Thai Honda PTT Singha SAG, Maquinza-SAG Team, Mapfre Aspar Team, Technomag-CIP

Outras actualizações que o podem interessar ›