Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Rossi agradavelmente surpreendido com primeiros treinos

Rossi agradavelmente surpreendido com primeiros treinos

O Campeão do Mundo disse que se sentiu “muito bem” na sua M1, tanto fisicamente, como no que toca à afinação na moto, depois de ter assinado o melhor tempo da primeira sessão do Grande Prémio do Japão.

Valentino Rossi admitiu que ficou surpreendido por ter marcado o tempo mais rápido da sessão de treinos na sexta-feira, em Motegi, porque esperava que fosse muito exigente fisicamente. O italiano marcou o melhor tempo, numa altura em que estava à espera de que o seu ombro o voltasse a incomodar, mas tal parece não ter acontecido e acabou por ficar no topo da tabela de tempos, com 1m48,174s.

"Estou mesmo muito contente por hoje, é honestamente uma grande surpresa para mim ser o primeiro!”, disse o piloto de 31 anos da Fiat Yamaha. “Estava à espera de sofrer imenso aqui com o meu ombro, porque há muitas zonas de travagem, mas a verdade é que são todas rectas, por isso fiquei contente por perceber que estava bem”.

Rossi ficou também bastante satisfeito com a prestação do motor da M1, depois das alterações que foram introduzidas para este fim-de-semana. “De facto, senti-me muito bem na moto desde o início e fizemos aqui um grande trabalho com a afinação”, acrescentou. “Utilizei o novo motor e a Yamaha fez um excelente trabalho nele, é melhor especialmente na quarta e quinta velocidade e tudo está a funcionar muito bem”.

A última vez que Rossi liderou uma sessão de treinos foi em Mugello, no início de Junho, quando foi o mais rápido na FP1.

“Sei que ainda é sexta-feira, mas há muito tempo que não estava assim na frente, por isso tenho que apreciar o momento!”, explicou. “Sei que há hipótese de chover no resto do fim-de-semana, o que é uma pena, mas se a chuva aparecer vamos fazer o nosso melhor”.

Rossi também desejou as melhoras a Pedrosa, que fracturou a clavícula numa queda nos primeiros cinco minutos da sessão e referiu: “Tenho pena pelo Dani, eu vi a queda de longe e foi azar”.

Tags:
MotoGP, 2010, GRAND PRIX OF JAPAN, Valentino Rossi, Fiat Yamaha Team

Outras actualizações que o podem interessar ›