Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Scott Reading garante a melhor marca de FP1

Scott Reading garante a melhor marca de FP1

Scott Redding, na Suter da Marc VDS Racing Team, foi o mais rápido na primeira sessão de treinos da categoria Moto2, disputada ainda debaixo de chuva. Anthony West foi segundo e o Campeão do Mundo de 2010, Toni Elías, foi sexto a quase três segundos da frente.

O inglês Scott Reading conseguiu ser o mais rápido na primeira sessão de treinos livres, rodando em 2m04,031s, isto depois de uma sessão que começou por ser dominada por Kenan Sofuoglu (Suter Technomag – CIP) e Tony Elias – Moriwaki do Gresini Racing Moto2 - que parte para este bwin Grande Prémio de Portugal, já com o título assegurado esta época.

A sessão foi animada por bastantes quedas, entre as quais se destacam pela sua espectacularidade, as sofridas por Dominique Aergerter, da Technomag – CIP, e a do próprio Scott Reding, esta última a acontecer a poucos segundos do final da sessão.

Hector Faubel (Marc VDS Racing Team) colocou-se no quarto lugar desde quase o início da sessão, ganhando nessa altura cerca de cinco décimas a Gabor Talmacsi (Speed Up Fimmco), ao passo que Julian Simon (Mapfre Aspar Team) e Andrea Ianonne (Speed Up Fimco) não compareceram em pista, adiando assim o início da luta pelo segundo lugar final do campeonato.

A lista dos dez melhores tempos fica completa com o sexto posto de Toni Elias, à frente de Sergio Gadea (Ponds Kalex Tenerife 40), Xavier Simeon (Moriwaki Holiday Gym G22), Tomas Luthi (Moriwaki Interwetten Moto2) e Roberto Rolfo, aos comandos da Suter Italtrans STR.

Tags:
Moto2, 2010, bwin GRANDE PREMIO DE PORTUGAL, FP1

Outras actualizações que o podem interessar ›