Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Simoncelli no topo à hora de almoço do terceiro dia de Sepang

Simoncelli no topo à hora de almoço do terceiro dia de Sepang

O piloto da San Carlo Honda Gresini liderava a tabela de tempos à hora de almoço do terceiro e último dia do primeiro Teste Oficial de MotoGP de 2011 na Malásia depois de ter assinado a melhor volta do ensaio até ao momento.

Marco Simoncelli surpreendeu tudo e todos à hora de almoço no terceiro e último dia do Teste de MotoGP em Sepang ao reclamar o melhor tempo com uma marca de 2m00,757s, o que o deixou com a melhor volta de todo o Teste até ao momento.

Retirando 0,013s à marca de Dani Pedrosa do segundo dia, o piloto da San Carlo Honda Gresini terminou a manhã à frente de Andrea Dovizioso, da Repsol Honda, e do Campeão do Mundo Jorge Lorenzo aos comandos da sua Yamaha M1. A dupla foi a única a juntar-se a Simoncelli com um tempo abaixo dos 2m01s durante a manhã, com Dovizioso a 0,188s do compatriota e Lorenzo a 0,206s.

Com condições instáveis, o melhor tempo de cada um dos pilotos do Top 6 surgiu nas suas primeiras seis voltas do dia, excepção para Dovizioso (volta 11). Ben Spies era quarto à hora do almoço com 2m01,002s, seguido de Casey Stoner, da Repsol Honda, a mais 0,110s. O australiano sofreu queda na Curva 5 durante a manhã, mas saiu ileso.

A sólida prestação da RC212V neste Teste teve continuidade com Dani Pedrosa, da Repsol Honda (+ 0,484s que Simoncelli) e Hiroshi Aoyama, da San Carlo Honda Gresini (+0,596s), o que levou a lista dos sete primeiros contar com cinco Hondas às 14 horas locais. Nicky Hayden, a rodar com garfos de 48mm que comparou com os de 42mm no segundo dia, foi o melhor piloto Ducati com um tempo de 2m01,534s, o que o deixou em oitavo com a GP11 oficial.

Colin Edwards, da Monster Yamaha Tech 3, foi o último a rodar a um segundo de Simoncelli ao terminar em 11º, com Valentino Rossi em décimo depois de tirar 0,755s à marca que tinha assinado ontem ao rodar em 2m01,842s. O piloto da Ducati está a testar afinação totalmente nova na GP11 de fábrica na tentativa de compreender todas as mudanças feitas à moto enquanto continua a lutar contra as dores no ombro. Muito positivo para o italiano foi a resolução dos problemas de vibrações detectados no segundo dia de trabalho.

Ausente da tabela de tempos até ao momento neste terceiro dia esteve Álvaro Bautista, que passou a manhã com problemas de estômago. No seu lugar na Suzuki está o piloto de testes Nobu Aoki.

Tags:
MotoGP, 2011

Outras actualizações que o podem interessar ›