Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Takahashi mais forte na FP2 de Moto2

Takahashi mais forte na FP2 de Moto2

A última sessão do dia teve lugar sob as luzes artificiais do Circuito Internacional de Losail, no Qatar, com o nipónico Yuki Takahashi (Gresini Racing) a assinar o melhor tempo na FP2 de Moto2.

Takahashi assinou o melhor tempo da sessão nos últimos momentos de FP2, batendo Scott Redding (Marc VDS Racing) por apenas 0,053s. Redding parecia estar seguro no topo, mas uma queda na sua última volta custou-lhe a possibilidade de melhorar a sua marca.

A volta de Takahashi, de 2m01,695s, foi mais rápida que o melhor tempo de FP1, assinado por Stefan Bradl (Viessmann Kiefer Racing). Bradl manteve-se consistente ao longo da segunda sessão, assinando o terceiro registo.

Andrea Iannone (Speed Master) e Thomas Lüthi (Interwetten Paddock Moto2) trocaram de posições em relação a FP1 e desta feita foram quarto e quinto, respectivamente. O segundo mais rápido de FP1 foi o estreante Marc Márquez (Team CatalunyaCaixa Repsol), que na última sessão do dia passou para sexto.

Michele Pirro (Gresini Racing Moto2), estreante na Moto2, voltou a ser sétimo, mostrando bom início de campanha de 2011, e terminando à frente de pilotos mais experientes como Aleix Espargaró (Pons Racing), Julián Simón (Mapfre Aspar) e Claudio Corti (Italtrans Racing), que terminaram em oitavo, nono e décimo, respectivamente.

Pol Espargaró foi à gravilha no início da sessão e teve de regressar à box sem a moto, perdendo assim boa parte do treino. O seu irmão Aleix também sofreu pequena queda mais tarde.

Bradley Smith (Tech 3) esteve melhor em FP2 ao ser o 16º, enquanto Kev Coghlan (Team Aeroport de Castelló) foi 31º.

Tags:
Moto2, 2011, COMMERCIALBANK GRAND PRIX OF QATAR, FP2

Outras actualizações que o podem interessar ›