Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Pedrosa impede domínio de Stoner em Jerez

Pedrosa impede domínio de Stoner em Jerez

Tal como tem acontecido nas sessões de treinos deste ano, foi a Repsol Honda quem dominou as duas primeiras posições da tabela de tempos, mas desta feita coube ao espanhol Dani Pedrosa assinar a melhor marca de FP" e bater o companheiro de equipa Casey Stoner na preparação para o Gran Premio bwin de España.

O tempo de Pedrosa de 1m40,101s foi 0,188s mais rápido que o do mais próximo rival na pista andaluza. O piloto espanhol já venceu em Jerez e estando em casa vai dar tudo para melhorar o terceiro posto do Qatar. Mas para tal terá de contar com a forte oposição do companheiro de equipa e líder do Campeoanto Stoner, o primeiro piloto a levar a Honda ao topo da tabela de pontos desde o Dutch TT de 2008. A sessão desta tarde foi também a primeira em que o antigo piloto da Ducati não ficou no topo da tabela de tempos desde o início da época.

 

Com condições climatéricas magníficas, com temperaturas de 31ºC e brisa forte, a segunda sessão de livres de MotoGP viu os sete primeiro pilotos não conseguirem melhorar as suas marcas face ao treino matinal. O tempo de Pedrosa foi quase seis décimos que a melhor marca de Stoner em FP1.

 

O Campeão do Mundo de MotoGP Jorge Lorenzo (Yamaha Factory Racing) foi o melhor dos restantes, saltando de quinto da manhã para terceiro à tarde. Marco Simoncelli (San Carlo Honda Gresini Team) repetiu a prestação matinal com a quarta marca, a 0,600s do homem da Repsol Honda. Valentino Rossi (Ducati Team) foi o melhor representante da marca italiana, ficando a 0,946s de Pedrosa.

 

Seguiu-se, em sexto, outro piloto Ducati, neste caso Randy de Puniet (Pramac Racing), à frente de Nicky Hayden (Ducati Team), que se quedou pela oitava posição. Ben Spies (Yamaha Factory Racing), naquela que é apenas a sua segunda visita ao Circuito de Jerez depois da estreia em 2010, foi o sétimo, ficando entre as duas Ducati. O nono lugar ficou a cargo de Hiroshi Aoyama (San Carlo Honda Gresini), que de manhã tinha sido 13º. O nipónico conta com uma vitória em Jerez nas 250cc em 2009, o seu único pódio no traçado.

 

O estreante Karel Abraham (Cardion ab Motoracing), que somou os primeiros três prontos na estreia no MotoGP em Losail, sofreu alguns incidentes em FP2, primeiro com uma excursão pela gravilha, mas a regressar à pista, e depois com uma queda na Curva 6. O checo conseguiu, ainda assim, terminar em 10º, a 1,203s de Pedrosa e à frente dos homens da Monster Yamaha Tech 3 e da Rizla Suzuki.

Tags:
MotoGP, 2011, GRAN PREMIO bwin DE ESPAÑA, FP2

Outras actualizações que o podem interessar ›