Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Bautista: “Quero regressar no Estoril, mas ainda não é 100% certo”

Bautista: “Quero regressar no Estoril, mas ainda não é 100% certo”

O piloto da Rizla Suzuki foi a uma consulta médica na terça-feira, em Madrid, que confirmou os progressos positivos na recuperação da lesão.

Álvaro Bautista recebeu boas notícias sobre a recuperação da fractura do fémur quando se deslocou a uma consulta médica no Hospital USP San José de Madrid, na tarde de terça-feira.

O Dr. Ángel Villamor examinou o piloto espanhol da Rizla Suzuki, que fracturou o fémur esquerdo no Qatar, e as radiografias mostraram bons progressos no processo de recuperação, uma coisa que aumentou a determinação de Bautista em fazer o seu regresso às pistas na ronda do Estoril, no final deste mês.

“Estivemos a ver as radiografias que me tiraram esta tarde com o Dr. Villamor e parece que o osso está a solidificar bem e que há menos risco de não ficar bem”, explicou Bautista ao motogp.com.

“Ultrapassámos a primeira fase e isso significa que poderemos começar a puxar pouco a pouco e começar a fortalecer a perna, porque perdi muita força e agora com menos receio posso começar a mexer o osso e a recuperar. Isso significar que posso começar a fazer exercício com alguma resistência e começar a acelerar o processo de recuperação para ser tão rápido quanto possível”.

Bautista tem já feito exercícios de flexibilidade e mobilidade, bem como completado sessões numa câmara hiperbárica. Com o Grande Prémio de Portugal a chegar no fim-de-semana de 29 de Abril a 1 de Maio, Bautista está ainda mais ansioso por estar forma e regressar às pistas.

“Ainda temos 17 dias antes de ter de voltar à mota. O médico diz que tudo está a correr razoavelmente depressa e esse é o meu objectivo. Tenho duas semanas para trabalhar e recuperar força na perna. Antes de viajar para o Estoril vou ter outra consulta com a equipa médica, eles vão fazer novas radiografias para se certificarem que tudo está bem e a ideia é regressar em Portugal”, disse um esperançado Bautista.

“Ainda não é 100% certo, mas a única coisa que tenho na cabeça é regressar e o meu objectivo é faze-lo no Estoril, apesar dessa ser uma decisão da equipa médica. Eles disseram-me que se continuar neste ritmo há uma boa hipótese, mas ainda há muito trabalho duro pela frente para regressar uma condição física compatível com o MotoGP”.

Tags:
MotoGP, 2011, GRAN PREMIO bwin DE ESPAÑA, Alvaro Bautista, Rizla Suzuki MotoGP

Outras actualizações que o podem interessar ›