Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Stoner com início forte em França

Stoner com início forte em França

Casey Stoner (Repsol Honda) marcou o ritmo inicial do Monster Energy Grand Prix de France ao garantir o melhor tempo da primeira sessão de treinos livres do fim-de-semana com novo recorde do traçado. As restantes posições dos três primeiros foram também ocupadas pelos pilotos da Repsol Honda: Dani Pedrosa foi segundo e Andrea Dovizioso terceiro.

O recorde do circuito, de 1m34,215s, assinado por Valentino Rossi em 2008, foi batido pelo australiano com uma marca de 1m34,133s na primeira sessão do fim-de-semana. Stoner estabeleceu o tempo canhão nos momentos iniciais do treino matinal e rodou depois de forma consistente e rápido até ao final da sessão. O piloto da Repsol Honda terminou em terceiro em Portugal e ocupa a mesma posição no Campeonato.

As temperaturas de 14ºC fizeram com que o início dos procedimentos fosse fresco, mas com o sol a brilhar as condições apresentaram-se boas no início do fim-de-semana de Le Mans. Pedrosa, vencedor da última corrida e a quatro pontos de Lorenzo na luta pelo ceptro, ficou a 0,298s de Stoner e deverá estar aposta em repetir a prestação de Portugal.

Dovizioso foi o terceiro mais rápido, mas a mais de meio segundo da frente. O italiano teve resultado positivo no Estoril ao terminar em quarto após longa batalha com Valentino Rossi. Marco Simoncelli (San Carlo Honda Gresini Team), que desistiu por queda nas duas últimas corridas após fortes prestações nas qualificações, fez o pleno de máquinas Honda entre os quatro primeiros. Simoncelli foi o mais rápido no teste oficial do Estoril e vai tentar somar pontos depois de duas rondas a zeros.

O Campeão do Mundo de MotoGP Jorge Lorenzo (Yamaha Factory Racing), batido por Pedrosa no Estoril nos momentos finais da corrida, foi o quinto melhor de FP1 a pouco mais de um segundo do primeiro. O melhor piloto Ducati foi Valentino Rossi (Ducati Team) com o sexto tempo.

A defender as cores gaulesas, Randy de Puniet (Pramac Racing) foi o sétimo melhor do treino. O francês, que terminou em décimo no Estoril depois de ter retirado o parafuso da perna que fracturou no ano passado, está agora em melhor forma física para lutar por posições cimeiras no Norte de França.

A completar a lista dos dez primeiros ficaram Nicky Hayden (Ducati Team), Cal Crutchlow (Monster Yamaha Tech 3) e Ben Spies (Yamaha Factory Racing).

Álvaro Bautista (Rizla Suzuki), que ainda está a recuperar da fractura do fémur na primeira jornada da época e ficou de fora na segunda corrida e no teste oficial de segunda -feira no Estoril, foi 14º, com Héctor Barberá (Mapfre Aspar Team) em 16º. O espanhol regressou à acção depois de fracturar uma vértebra numa queda sofrida na primeira volta em Portugal, falhando depois o teste.

Tags:
MotoGP, 2011, MONSTER ENERGY GRAND PRIX DE FRANCE, FP1

Outras actualizações que o podem interessar ›