Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Início misto para Hayden e Rossi em Le Mans

Início misto para Hayden e Rossi em Le Mans

Os pilotos do Ducati Team, Nicky Hayden e Valentino Rossi, terminaram em quarto e nono, respectivamente, no primeiro dia de livres com vista ao Monster Energy Grand Prix de France.

Num dia marcado por tempo excelente, a quarta jornada do Campeonato do Mundo de MotoGP de 2011 começou em Le Mans com as primeiras sessões de livres do fim-de-semana. Hayden foi oitavo de manhã e depois saltou para quarto na segunda sessão. Já Rossi começou o dia em sexto para terminar em nono depois de não ser capaz de igualar o ritmo do companheiro de equipa. O americano estava optimista depois do primeiro dia e sente que ainda pode melhorar, enquanto o italiano se debateu com problemas e só encontrou uma mudança promissora no que toca a um problema com a traseira, isto nos momentos finais do treino.

Nicky Hayden, Ducati Team

“Hoje foi claramente melhor que as últimas sextas-feiras, muito melhor. Ainda é cedo e estamos apenas no primeiro dia, mas a moto pareceu logo muito boa. O teste de Portugal foi muito útil para mim e para a equipa. Pensámos que tínhamos dado um pequeno passo e parece que o confirmámos hoje. De forma geral, a moto parece mesmo estar um pouco melhor, mas ainda temos muito a fazer para sermos rápidos e consistentes. A diferença para a frente ainda é grande. Le Mans é um circuito difícil porque não tem muita aderência, mas sabemos que a nossa moto é muito boa em travagens fortes e, como esperava, isso está a ajudar-nos aqui. Seja como for, espero que isto nos ajude e vamos continuar o trabalho amanhã.”

Valentino Rossi, Ducati Team

“É claro que esperava um dia melhor que o que tive. Tivemos algumas dificuldades para encontrar a afinação certo, pelo que hoje ficámos muito longe. Estamos a lutar um pouco à saída das curvas. O moto mexe-se muito em aceleração e estamos a tentar compreender se é uma questão de afinação, ou de electrónica porque de momento estou a ter dificuldades a pilotar a moto. No final encontrámos uma mudança interessante para a traseira, mas tínhamos poucos minutos para trabalhar. Talvez com mais tempo pudesse ter ganho mais um décimo e ganhar algumas posições, mas amanhã tenho mesmo de melhorar quando testarmos a afinação com mais tempo.”

Tags:
MotoGP, 2011, MONSTER ENERGY GRAND PRIX DE FRANCE, Nicky Hayden, Valentino Rossi, Ducati Team

Outras actualizações que o podem interessar ›