Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Stoner mantém liderança em FP2

Stoner mantém liderança em FP2

Casey Stoner, da Repsol Honda, voltou a ser o mais rápido na segunda sessão de livres com vista ao AirAsia Britsh Grand Prix depois de também o ter sido em FP1. Marco Simoncelli (San Carlo Honda Gresini Team) repetiu a segunda posição apesar de muito ter tentado o primeiro posto. Enquanto isso, Nicky Hayden (Ducati Team) foi terceiro, com Cal Crutchlow (Monster Yamaha Tech 3) e Jorge Lorenzo (Yamaha Factory Racing) a completarem o Top 5.

Casey Stoner, da Repsol Honda, foi o primeiro a marcar o ritmo da sessão que teve início molhado e depois passou a condições mistas. O australiano rodou em 2m15,666s em FP2, cerca de 12 segundos mais lento que a sua marca de FP1.

Simoncelli assumiu a liderança a um minuto do final, mas Stoner respondeu para reclamar a primeira posição com 0,797s de vantagem nos momentos finais da sessão. Nicky Hayden (Ducati Team) levou a sua GP11 ao terceiro posto, com Cal Crutchlow (Monster Yamaha Tech 3), nenhum estranho de Silverstone, a seguir-se na tabela de tempos. A quinta posição ficou a cargo do Campeão do Mundo e actual líder da classificação Jorge Lorenzo (Yamaha Factory Racing), isto depois de ter sido o terceiro da manhã.

Andrea Dovizioso levou a sua Repsol Honda ao sexto posto com uma marca de 2m18,783s, seguido de Ben Spies, da Factory Yamaha, e Karel Abraham (Cardion AB Motoracing) em oitavo.

Houve alturas em que o longo circuito de Silverstone apresentou, ao mesmo tempo, zonas secas e outras onde chovia, o que levou os pilotos a irem às boxes para alterarem as afinações de suspensão com o intuito de lidarem com as condições mistas, entre eles esteve Valentino Rossi (Ducati Team).

Rossi regressou às boxes para trocar de motos a dez minutos de final da sessão e deu-se melhor com uma afinação diferente, terminando a sessão em nono, isto depois de ter sido 12º de manhã. Toni Elías (LCR Honda) ficou logo atrás do italiano a fechar a lista dos dez primeiros.

Colin Edwards voltou a terminar o trabalho mais cedo, com apenas 12 voltas e a 16ª marca. Hiroshi Aoyama (San Carlo Honda Gresini) ficou mesmo à frente do americano com o 15º tempo.

Tags:
MotoGP, 2011, AIRASIA BRITISH GRAND PRIX, FP2

Outras actualizações que o podem interessar ›