Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Repsol Honda Team encontra condições estranhas em Assen

Repsol Honda Team encontra condições estranhas em Assen

Casey Stoner, Andrea Dovizioso e Hiroshi Aoyama, substituto do lesionado Dani Pedrosa, foram recebidos com condições muito molhadas na primeira sessão de livres do Iveco TT Assen.

Stoner e Dovizioso, terceiro e quarto respectivamente após os 45 minutos da primeira sessão de livres, passaram o tempo a trabalhar na afinação geral e problemas de aderência. Aoyama, o primeiro a ir para a pista, estava desejoso por tirar o máximo partido do seu primeiro contacto com a RC212V oficial, bem como com o traçado aos comandos de uma máquina de MotoGP.

Durante a tarde os três pilotos da Repsol Honda esperavam dar continuidade ao trabalho de afinação das suas montadas contudo, o derrame de óleo durante a sessão de Moto2 levou ao cancelamento de todas as sessões da tarde, pelo que o trabalho só continua amanhã de manhã, altura em que os pilotos vão ter a oportunidade de fazer um treino mais longo, de 90 minutos, para finalizarem o trabalho com vista à qualificação da tarde.

Casey Stoner:
"A sessão da manhã foi boa para recolhermos alguns dados da afinação para molhado porque ainda não temos muita experiência nessas condições com a RC212V. Trabalhámos para afinarmos um pouco melhor a moto de forma geral e também com a lateral do pneu, onde queríamos criar mais calor. A sessão da manhã foi dedicada a isto e a última saída foi um pouco melhor, mas infelizmente não tivemos voltas suficientes para aquecermos o pneu e encontrar alguma vantagem. Esta tarde queríamos continuar com isto, mas infelizmente devido ao derrame de óleo da Moto2 tivemos de cancelar a sessão e voltamos amanhã. Vamos ver.”

Andrea Dovizioso:
“Esta manhã encontrei boas sensações com a moto e conseguimos ser rápidos desde o início. Não havia muita aderência entre as primeira e segunda tiradas, pelo que trabalhámos para melhorar isto e na terceira vez que fomos para a pista a moto funcionou melhor. Tínhamos planeado mais uma mudança para a tarde porque temos margem para melhorar, mas hoje rodámos sem correr muitos riscos. É uma pena não podermos testar durante a tarde depois do derrame de óleo na pista, mas FP3 vai ser mais longa amanhã para recuperarmos o tempo perdido. Dependendo do tempo, vamos continuar no ponto em que parámos hoje.”

Hiroshi Aoyama:
"Esta manhã estava um pouco nervoso porque foi a minha primeira vez com uma Honda de fábrica e também porque no ano passado não corrida em Assen, no MotoGP, por causa de lesão. Foi uma pena por causa das condições de chuva, não tive comparar a minha moto com esta, mas não me senti nada mal desde o início, a moto parece um pouco mais suave que a minha, mas não posso dizer muito de momento, tenho apenas de fazer mais voltas. Infelizmente a sessão da tarde foi cancelada devido às condições da pista, mas amanhã teremos um treino mais longo, o que é bom. O plano para mim era adaptar-me à moto, mais do que fazer alterações para a pôr ao meu estilo, pelo que vou manter o plano amanhã e espero melhorar e ser mais rápido.”

Comunicado de imprensa Repsol Honda

Tags:
MotoGP, 2011, IVECO TT ASSEN, Hiroshi Aoyama, Andrea Dovizioso, Casey Stoner, Repsol Honda Team

Outras actualizações que o podem interessar ›