Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Segunda vitória para Márquez na Catedral

Segunda vitória para Márquez na Catedral

Márquez garantiu o segundo triunfo de Moto2 na sua época de estreia na classe e sob condições traiçoeiras no Iveco TT Assen, sétima jornada do Campeonato do Mundo de 2011, batendo Kenan Sofuoglu e Bradley Smith.

O Campeão do Mundo de 125cc Márquez (Team CatalunyaCaixa Repsol) cruzou a linha de meta em primeiro, subindo seis posições na classificação do Campeonato de Moto2 para ocupara agora o segundo posto. O jovem de 18 anos terminou à frente de Kenan Sofuoglu (Technomag-CIP), o primeiro pódio do turco este ano, e de Smith (Tech 3), terceiro.

Tanto Sofuoglu como Smith lideraram o pelotão ao longo da corrida, lutando com a estrela espanhola Márquez e Yuki Takahashi (Gresini Racing), que chegou a rodar em segundo antes de sofrer queda a quatro voltas do final. Mike di Meglio (Tech 3) também foi um dos homens que andou na frente no início da corrida, mas foi mais um dos nomes a desistir por queda.

Anthony West (MZ Racing) fez forte corrida para terminar em quarto, o seu melhor resultado do ano. O australiano foi seguido de Alex de Angelis (JiR Moto2) e Mattia Pasini (Ioda Racing Project), este último a regressar ao Top 10 depois da desistência na última ronda, em Silverstone. Esteve Rabat (Blusens-STX), Thomas Lüthi (Interwetten Paddock Moto2), Randy Krummenacher (GP Team Switzerland Kiefer Racing) e Max Neukirchner (MZ Racing) completaram a lista dos dez primeiros.

Com a corrida molhada a converter-se em seca, os pneus de chuva começaram a desgastar-se e ficou claro que manter a moto com as duas rodas em contacto com o solo era um problema. O final da corrida assistiu a várias quedas, incluindo a do líder do Campeonato Stefan Bradl (Viessmann Kiefer Racing), que foi ao chão na chicane a três voltas do final e viu a margem de 62 pontos ser fortemente reduzida. O dia da Gresini Racing Moto2 também não foi positivo, com Michele Pirro a seguir os passos do companheiro de equipa Takahshi e a cair na última volta.

Registaram-se ainda quedas por parte de Jules Cluzel (Forward Racing), que já tinha caído na volta de aquecimento, Axel Pons (Pons HP 40), Kenny Noyes (Avintia-STX) Xavier Simeon (Tech 3 B).

Tags:
Moto2, 2011, IVECO TT ASSEN, RAC

Outras actualizações que o podem interessar ›