Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Conferência de imprensa de Mugello

Conferência de imprensa de Mugello

Ben Spies, Valentino Rossi, Casey Stoner, Dani Pedrosa e Marco Simoncelli estiveram presentes na conferência de imprensa do Gran Premio d’Italia TIM nesta quinta-feira.

Com a bela região da Toscana como pano de fundo, a conferência de imprensa do Gran Premio d’Italia TIM teve lugar nesta quinta-feira e serviu de antevisão à oitava ronda do Campeonato do Mundo de MotoGP de 2011.

Casey Stoner lidera actualmente o Campeonato com 28 pontos de margem e o piloto da Repsol Honda está optimista numa pista pela qual tem muito apreço. “Vimos de boas corridas e adoro esta pista,” disse o australiano que elogiou o traçado. “O novo asfalto vai ser muito divertido no que toca à adaptação e creio que será melhor para as corridas. Todos os anos em que vimos aqui vemos grandes melhorias. Este é um circuito onde, mesmo quando as coisas não estão a correr bem, podemos mesmo desfrutar. Sempre me senti confortável nesta pista.”

Com três vitórias nas últimas quatro corridas – foi segundo no fim-de-semana passado em Assen – a forma de Stoner em 2011 está em grande plano e o piloto está contente por ver o companheiro Dani Pedrosa de volta à acção.

“Sinto-me bem e estou pronto para este fim-de-semana. A equipa e os pilotos têm sido muito fortes este ano, pelo que temos feito um trabalho fantástico como formação. Agora que o Dani está de volta podemos esperar muito mais competição e vai ser mais duro que antes.”

Valentino Rossi corre em casa e este ano a participação em Mugello reveste-se de ainda mais significado por ser a sua primeira com a Ducati. É também uma pista onde conta com recorde ímpar, com sete vitórias consecutivas de 2002 a 2008. “Esta pista é fantástica e este fim-de-semana é especial em comparação com outras por motivos pessoais,” disse. “É uma das melhores pistas, a atmosfera durante o fim-de-semana é sempre muito excitante.”

O início da campanha de 2011 tem sido dura para Rossi e a sua equipa, mas o piloto espera que o circuito de Mugello seja favorável à Desmosedici. “Melhorámos muito as sensações com a moto em Assen; o resultado da corrida em comparação com os treinos foi bom, mas não o bastante,” comentou. “Temos de trabalhar na moto e melhorar a prestação. Tivemos muitos problemas com o pneu frontal a temperaturas baixas; aqui temos temperaturas mais altas e espero que a moto esteja melhor.”

Rossi não vai contar com presença do seu chefe de equipa na Ducati, Jeremy Burgess, dado que o australiano voou para a Austrália para estar com a família. Rossi disse: “Toda a equipa está triste com isto, desejamos-lhe boa sorte a ele, à mulher e à família e esperamos que esteja de regresso a Sachsenring.”

O alívio de Dani Pedrosa com o regresso ao activo depois de ter falhado os últimos três Grandes Prémios devido a lesão era claro e o piloto da Repsol Honda está animado por estar de novo aos comandos da RC212V de fábrica numa pista onde venceu no ano passado desde a pole.

“Foi estranho estar em casa a ver as corridas, foi um período difícil, mas passou e agora estou aqui,” disse o espanhol. “Estou desejoso pelo Grande Prémio deste ano, principalmente depois de ter ganho no ano passado.”

Ele continuou: “Vai ser duro para mim porque passaram apenas duas semanas desde a última operação e esta pista é muito exigente em termos físicos; vai ser um grande desafio e vou tentar ter um bom fim-de-semana. Espero sentir-me mais confortável na moto e melhorar passo a passo.”

O vencedor da corrida de Assen, Ben Spies, vai tentar tirar partido da confiança ganha com o primeiro triunfo no MotoGP para melhorar a sétima posição conseguida no ano passado na sua primeira visita ao traçado de Mugello.

“Ainda não assimilei totalmente, mas estou a começar a entender e é uma grande sensação,” disse Spies sobre a vitória de Assen. “Estamos a pensar nisso e usando a confiança e moral adquirida para este fim-de-semana, mas amanhã também é o início de novo GP. Vou dar 100% e tentar manter a atmosfera positiva que a equipa criou.”

Spies continuou: “Com o Dani de volta é mais um forte piloto na frente; todos sabem que o recorde do Valentino é muito forte e que estamos na pista da Ducati e podemos esperar algumas algumas surpresas deles. Vamos continuar concentrados e ver o que acontece no domingo.”

Marco Simoncelli vai continuar em busca do primeiro pódio na categoria rainha perante o público da casa e o piloto da San Carlo Honda Gresini quer emendar os erros que até ao momento já lhe custaram vários pódios.

“O fim-de-semana em Assen foi perfeito até à corrida. Cometi um erro estúpido na primeira volta e caí e tenho pena por isso,” disse o italiano. “E fico ainda mais zangado quando olho para os resultados dos treinos nesta época e vejo as oportunidades que perdi na corrida. De todas as formas, tenho de me manter concentrado no presente e nesta corrida e não repetir erros do passado.”

Ele acrescentou: “Esta pista é uma das melhores do mundo e foi fantástico no ano passado. Este ano tem piso totalmente novo, pelo que estou desejoso por rodar com a minha moto aqui. A atmosfera é fantástica.”

Tags:
MotoGP, 2011, GRAN PREMIO D'ITALIA TIM

Outras actualizações que o podem interessar ›