Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Lorenzo no topo em Laguna Seca

Lorenzo no topo em Laguna Seca

Depois de ter sido o terceiro melhor da manhã, o Campeão do Mundo assinou o melhor tempo do dia em Laguna Seca, com o companheiro de equipa Ben Spies em quinto depois de também ter melhorado o ritmo durante a tarde.

Conforme o nevoeiro matinal se foi levantando e o sol se foi impondo em Laguna Seca os fãs americanos tiveram a oportunidade de assistir ao raro espectáculo da Yamaha Factory Racing M1 com a decoração comemorativa do 50º Aniversário de Grandes Prémios a rodar na pista californiana.

Jorge Lorenzo não demorou a entrar no ritmo para assinar a segunda marca da manhã, mas acabou, ao cair do pano, por ter de se contentar com o terceiro tempo. Contudo, durante a tarde o Campeão do Mundo não deixou os créditos por mãos alheias e disparou para o topo da tabela de tempos, posição onde se manteve durante toda a segunda sessão de livres para terminar com um registo de 1m22,056s.

Ben Spies, que também está em busca de bom resultado em casa, foi subindo de forma gradual ao longo da tabela, sempre muito próximo do companheiro de equipa, para terminar a manhã a 0,506s do mais lesto. A tarde viu Spies apresentar-se mais consistente, o que lhe valeu o quinto posto com um tempo de 1m22,615s, mais 0,559s que o companheiro de equipa em primeiro.

Jorge Lorenzo, 1º - 1m22,056s, 23 voltas:
“Estou contente por estar de novo a rodar em Laguna, uma pista que adoro. Hoje correu muito bem, a moto está boa. Estou satisfeito com a primeira posição, mas temos de tentar melhorar a entrada em curva da moto porque podemos ganhar alguns décimos nesse ponto e também porque me vai dar mais confiança a curvar. Para começar não está mal e amanhã vamos tentar ser ainda mais rápidos!”

Ben Spies, 5º - 1m22,615s, 24 voltas:
“Foi um bom dia de treinos hoje, trabalhámos em muitas afinações diferentes. Ainda não encontrámos o acerto perfeito; até agora só encontrámos um de compromisso, mas temos um plano para amanhã no que toca ao que vamos afinar na moto para termos melhores sensações com a frente. Sinto-me bem, a moto tem o que é preciso, vemos isso pelo Jorge, mas ainda não estamos a tirar o máximo partido dela.”

Wilco Zeelenberg, Director Desportivo:
“Hoje tivemos um bom dia de treinos, pensámos que iríamos melhorar um pouco mais, mas estar em primeiro é o mais importante. O Jorge esteve muito consistente e com boas sensações. Penso que terminámos com a melhor posição para recomeçarmos amanhã, mas ainda temos algumas coisas para resolver.

Massimo Meregalli, Director de Equipa:
“O resultado geral não é mau; o Jorge apresentou um ritmo impressionante e parece muito confiante com a moto. O Ben ainda está a trabalhar na afinação, ele não está tão confiante nessa matéria como gostaria. Vamos trabalhar esta noite e amanhã vamos apresentar novo acerto e esperamos dar mais um passo em frente. Só temos de resolver alguns pequenos detalhes e estaremos prontos para a corrida.”

Tags:
MotoGP, 2011, RED BULL U.S. GRAND PRIX, Jorge Lorenzo, Ben Spies, Yamaha Factory Racing

Outras actualizações que o podem interessar ›