Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Lorenzo intocável com volta perfeita a Laguna Seca

Lorenzo intocável com volta perfeita a Laguna Seca

O Campeão do Mundo Jorge Lorenzo fez regresso sensacional depois da queda a alta velocidade desta manhã para dominar a qualificação e assinar a pole para o Red Bull Grande Prémio dos Estados Unidos de amanhã, a primeira da época 2011 para o espanhol.

A queda a alta velocidade no final dos livres da manhã deixou alguns a pensar ser o piloto da Yamaha Factory seria capaz de fazer toda a qualificação. Os receios acabaram por se revelar infundados com o maiorquino a ir para a pista muito forte, rodando abaixo do segundo 22 logo na primeira volta lançada. Uma sequência de voltas muito consistentes levaram-no a manter o primeiro posto durante toda a sessão e a fazer frente a breve ataque o do companheiro de equipa Ben Spies. Lorenzo reclamou a pole rapidamente e manteve-a até ao final da sessão, batendo o recorde do traçado pelo caminho.

Spies passou a primeira parte da sessão a melhorar a sua afinação, entrando depois num ritmo consistente e chegando mesmo a deter a pole provisória com 1m21,578s. Depois de batido por Lorenzo, Spies ainda tentou garantir uma posição na primeira linha da grelha, mas um erro na travagem para a Curva 3 colocou ponto final na sua qualificação. Como resultado o americano vai partir da segunda linha da grelha, em quarto, a apenas 0,376s da pole.

Jorge Lorenzo:
“Não esperava esta pole depois desta manhã, mas felizmente senti mais dores a andar que na moto. É claro que não estou em condições perfeitas na moto e é claro que tenho de colocar mais pressão nos braços e que vou ficar mais cansado. Penso que tive muita sorte esta manhã por não ter sofrido grandes lesões. Creio que esta pole é um resultado impressionante para nós.”

Ben Spies:
“Não foi uma má qualificação, testámos algumas coisas e encontrámos a afinação para a corrida, o que não é mau. Entrámos no modo de qualificação e conseguimos bons tempos por volta. Cometi um erro e bloqueei a frente na travagem para a Curva 3 ao tentar entrar na primeira linha. O patrão da Yamaha disse-me na noite passado que me queria na primeira linha, pelo que estava a fazer todos os possíveis. Brincadeiras à parte, estava a dar tudo e cometi um pequeno erro. Bati com a mão com alguma força, mas vou estar bem e pronto para a corrida de amanhã. Penso que vou encontrar algumas coisas na moto durante a manhã e espero que seja um bom dia.”

Comunicado de imprensa Yamaha Factory Racing

Tags:
MotoGP, 2011, RED BULL U.S. GRAND PRIX, Jorge Lorenzo, Ben Spies, Yamaha Factory Racing

Outras actualizações que o podem interessar ›