Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Terceira linha para pilotos da Ducati Team na qualificação de Laguna

Terceira linha para pilotos da Ducati Team na qualificação de Laguna

Os pilotos da Ducati Team vão partir para o Red Bull Grande Prémio dos Estados Unidos da terceira linha da grelha de partida.

Nicky Hayde e Valentino Rossi vão partir para o GP dos Estados Unidos de amanhã da terceira linha da grelha de partida, em Laguna Seca. O italiano assinou a sétima marca da tarde aos comandos da GP11.1, igualando a sua melhor qualificação da temporada na Catalunha, enquanto Hayden garantiu o nono posto com a GP11.

Apesar de ter sido um pouco mais rápido aos comandos da nova versão da Desmosedici ontem, o americano optou por usar a versão padrão da moto italiana hoje já que está mais familiarizado com ela. Ele vai também alinhar na corrida caseira com a mesma moto.

Valentino Rossi (Ducati Team) 7º (1m22,235s):
“Esta manhã fizemos uma alteração ao equilíbrio da moto que me ajudou a encontrar mais aderência com o pneu macio, bem como melhores sensações. Mas durante a tarde, com o temperaturas mais quentes e com o pneu duro, não consegui a mesma prestação e sensações. Durante a sessão conseguimos mudar a afinação de novo e demos um pequeno passo e quando montámos a borracha macia fizemos um tempo para a terceira linha. Na verdade, o sétimo posto iguala a minha melhor qualificação da época. Era o nosso objectivo, conseguir partir mais à frente que ultimamente, mas temos de melhorar o ritmo para a corrida outra vez com o pneu mais duro porque agora está um pouco difícil e a traseira está a patinar muito. Estamos concentrados e a trabalhar muito, pelo que amanhã vamos ver se conseguimos dar mais um passo.”

Nicky Hayden (Ducati Team) 9º (1m22,271s):
“Hoje voltámos à moto padrão. Ontem fui um pouco mais rápido com a nova, mas apesar de ter mais potencial e de ter gostado da caixa de velocidades, não consigo ver muito bem onde está o limite da moto. Por agora preferimos ficar com o que conhecemos, Esta manhã estava muito forte e de tarde estive de forma consistente no segundo 22 baixo. Fiz duas tiradas longas e voltei à box para colocar novo pneu macio e estava pronto para atacar. Senti-me bem e estava desejos para entrar no registo de qualificação. Não estava a puxar muito na volta de saída, mas temos de puxar pela moto para dar carga à frente e na curva Rainey fui pela zona dos ressaltos e caí. É uma pena porque tínhamos boa possibilidade de conseguir a nossa melhor qualificação do ano. Voltei para a pista na outra moto, mas o pneu da frente tinha 30 voltas. A equipa trabalhou muito entre as duas motos. Agora têm mais uma noite longa, mas vou tentar compensar amanhã.”

Comunicado de imprensa Ducati Team

Tags:
MotoGP, 2011, RED BULL U.S. GRAND PRIX, Nicky Hayden, Valentino Rossi, Ducati Team

Outras actualizações que o podem interessar ›