Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Bautista cai durante luta por lugar no Top 6

Bautista cai durante luta por lugar no Top 6

O piloto da Rizla Suzuki Álvaro Bautista terminou o Red Bull Grande Prémio dos Estados Unidos na gravilha depois de uma queda na 14ª volta da corrida desta tarde.

Bautista fez uma boa partida desde a 12ª posição da grelha e já tinha subido uma posição no final da primeira volta. Depois, partiu para uma série de boas ultrapassagens nas voltas seguintes, chegando ao 8º lugar e entrando na luta pela 6ª posição com os dois homens da Ducati Nicky Hayden e Valentino Rossi. Bautista conseguiu diminuir a diferença que o separava do par e parecia que o público esperava pela repetição da excitante luta entre os três no último fim-de-semana. Contudo, infelizmente Bautista acabou por cair e apesar de ter conseguido voltar a montar a sua Suzuki GSV-R não foi capaz de voltar a colocá-la a trabalhar e acabou por abandonar a corrida.

A Rizla Suzuki e Bautista vão agora gozar uma curta paragem de Verão antes de regressar às pistas para o resto da temporada de 2011 em Brno, na República Checa, no domingo de 14 de Agosto. Nesse dia Bautista terá a companhia de John Hopkins, que irá correr como wild-card no circuito do leste europeu.

Álvaro Bautista:
“Estou muito, muito desiludido depois do dia de hoje e mesmo frustrado, porque apesar de termos feito um trabalho muito bom no fim-de-semana, não conseguimos obter o resultado que merecíamos e eu acabei por cair. Tentei muitas coisas diferentes aqui este fim-de-semana e utilizei uma afinação completamente diferente em relação ao ano passado e estávamos bastante satisfeitos, tal como tinha acontecido na Alemanha. Nunca me senti tão bem na minha mota em toda a carreira no MotoGP, por isso sei que as coisas estão a ir na direcção certa. Penso que cometemos um erro na sexta-feira e no sábado à tarde, porque não experimentámos os pneus macios dianteiros. Penso que os pneus duros aqui não eram muito maus, porque não consegui ter a sensação que queria nas curvas – a aderência não era muito má, mas não transmitia a informação toda. Para a corrida comecei por utilizar um pneu dianteiro duro e agora penso que foi um erro não ter utilizado antes um macio. Fiz uma boa partida, mas alguns pilotos fecharam à minha frente e não consegui passar, apesar de ter conseguido ganhar um lugar na primeira volta. Acabei por consegui ultrapassar alguns pilotos e ficar atrás da Ducati, mas eles ainda estavam um pouco longe e tive que ir atrás deles. O meu ritmo era muito bom e estava confiante na mota, mas acabei por perder a frente sem razão aparente e cai. Tinha entrado naquela curva à mesma velocidade e no mesmo sítio nas voltas anteriores, por isso não sei o que se passou. Estou contente com o trabalho que fizemos este fim-de-semana e feliz com o nível da minha mota. Antes da queda estava a lutar pela sexta ou sétima posição e sei que podemos estar naqueles lugares e temos de continuar a trabalhar ao mesmo nível nas próximas corridas. Agora temos algum tempo para descansar e carregar as nossas baterias, para estarmos com toda a força em Brno”

Tags:
MotoGP, 2011, RED BULL U.S. GRAND PRIX, Alvaro Bautista, Rizla Suzuki MotoGP

Outras actualizações que o podem interessar ›