Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Brald mantém o controlo em FP2

Stefan Bradl deu continuidade ao domínio na classe de Moto2 na segunda sessão de livres do Cardion ab Grande Prémio da República Checa nesta tarde de sexta-feira, enquanto Andrea Iannone e Alex de Angelis ocuparam as segunda e terceira posições, respectivamente.

O início da segunda sessão de livres da categoria intermédia viu Alex de Angelis (JiR Moto2), Michele Pirro (Gresini Racing Moto2) e Scott Redding (Marc VDS Racing) liderarem o pelotão. Mas Bradl não demorou a assumir a liderança aos comandos da sua Viessmann Kiefer Racing.

O líder do Campeonato, de 21 anos, melhorou a marca que tinha assinado em FP1, e que já era mais rápida que o recorde oficial do traçado, em quatro décimos o que o destacou como claro homem a bater em Brno. O tempo de 2m03,166s que registou deixou-o com 0,158s de margem sobre o italiano Iannone com a Speed Master e com 0,185s sobre De Angelis.

Marc Márquez progrediu de 18º da manhã para quarto em FP2, se bem que os tempos por volta assinados por Aleix Espargaro (Pons HP 40) e Julián Simón (Mapfre Aspar) em FP1 foram mais rápidos que os 2m03,923s de Márquez, o que deixou o piloto do Team CatalunyaCaixa Repsol em sexto na tabela combinada de tempos, atrás dos outros dois espanhóis.

Esteve Rabat (Blusens-STX) também não conseguiu melhorar a marca matinal, terminando o dia em sétimo apesar de ter sido apenas o 14º da tarde. Scott Redding (Marc VDS Racing), Mattia Pasini (Ioda Racing Project) e Max Neukirchner (MZ Racing) melhoraram os seus primeiros registos do dia e fecharam a lista dos dez primeiros.

Registaram-se duas quedas durante a sessão: Ricky Cardús (QMMF Racing Team) e Santiago Hernández (SAG Team).

Tags:
Moto2, 2011, FP2

Outras actualizações que o podem interessar ›