Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Pedrosa na pole em Brno, Stoner terceiro e Dovizioso sétimo

Pedrosa na pole em Brno, Stoner terceiro e Dovizioso sétimo

O Cardion ab Grande Prémio da República Checa de domingo vai começar com Dani Pedrosa, da Repsol Honda, na pole position.

Casey Stoner junta-se a Pedrosa na primeira linha da grelha de partida, em terceiro, e Andrea Dovizioso vai partir da sétima posição após interessante sessão de qualificação que se decidiu apenas nos últimos dez minutos.

Depois da terceira sessão livres ter sido disputada no molhado, a pista estava muito suja e escorregadia na qualificação. Contudo, os pilotos conseguiram continuar a melhorar a afinação das suas RC212V e trabalhar no ritmo antes de buscarem as melhores posições na grelha.

Pedrosa assinou a primeira pole da época depois de ter mostrado impressionante ritmo durante todo o fim-de-semana, enquanto Stoner deu passos em frente na resolução dos problemas que sentiu com a afinação da sua moto na sexta-feira. Andrea Dovizioso melhorou um pouco os seus tempos, mas espera dar grande passo em frente na corrida para lutar por mais um pódio.

Dani Pedrosa:
"É a minha primeira pole do ano, há muito tempo que não conquistava uma, o que me deixa muito contente. Até agora o fim-de-semana está a ser muito bom para nós, a moto está a funcionar bem e sinto-me fisicamente bem. Só fizemos algumas pequenas alterações à moto e isso permitiu-me concentrar-me mais na pilotagem, pelo que espero conseguir manter o ritmo amanhã e lutar por bom resultado. Isto é o mais importante e temos de manter os pés no chão porque os nossos rivais estão próximos. Penso que ainda podemos melhorar um pouco a moto, especialmente o chassis, para ter mais aderência. Mas creio que a chuva desta manhã afectou as condições da pista e a tornou mais escorregadia."

Casey Stoner:
"Depois de ontem esperávamos melhorar as sensações com a moto esta manhã, mas infelizmente foi uma sessão molhada, pelo que não a pudemos usar como queríamos. A sessão também não começou bem, com uma queda a alta velocidade na Curva 3 que nos custou algum tempo e, é claro, afectou um pouco a minha confiança. Depois, esta tarde começámos a ter mais respostas da moto, mas de forma geral não demos um grande passo em frente nem melhorámos muito em relação à primeira sessão de ontem. Parece que estamos a ter mais vibrações com o desenrolar do fim-de-semana e quanto mais puxo mais aumenta e mais lento fico, pelo que é algo frustrante. Senti que a qualificação podia ter sido ainda melhor, rodámos quase com o mesmo tempo com pneus usados, mas no geral temos muito trabalho a fazer. Estamos contentes por estarmos na primeira linha, mas não estamos onde queríamos com a moto. Estamos ansiosos por amanhã e estou certo que vamos encontrar algumas melhorias a tempo da corrida."

Andrea Dovizioso:
“Depois do que lutei ontem com a afinação da travagem do motor, hoje voltámos à especificação antiga que usámos até ao GP de Itália. A chuva da noite de ontem e desta manhã afectou o piso e esta tarde havia menos aderência e as referência mudaram face a ontem. Vamos continuar a trabalhar, em particular na frente, porque em travagem estamos no limite. Também tenho de rodar de forma mais fluída. Vamos continuar a trabalhar também no warm up para melhorar para a corrida. O ritmo não está muito mau e não é impossível lutar pelo pódio. A corrida vai ser dura, com muitas lutas, pelo que será importante fazer uma boa partida.”

Comunicado de imprensa Repsol Honda.

Tags:
MotoGP, 2011, CARDION AB GRAND PRIX ČESKÉ REPUBLIKY, Dani Pedrosa, Andrea Dovizioso, Casey Stoner, Repsol Honda Team

Outras actualizações que o podem interessar ›