Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Corrida caseira positiva para Positive Rossi

Corrida caseira positiva para Positive Rossi

As pequenas alterações deram resultado para Valentino Rossi no Grande Prémio Aperol de São Marino e da Riviera de Rimini, em Misano, onde o italiano terminou em sétimo após boa batalha com Simoncelli e Dovizioso perante o seu público caseiro.

As alterações feitas à moto no warm up desta manhã levaram o italiano a fazer uma partida brilhante para a corrida, saltando de 11º da grelha para sexto. Rossi manteve ritmo rápido durante boa parta das 28 voltas da corrida, participando em algumas boas lutas com Spies, Dovizioso e Simoncelli perante o seu público. Perto do final começou a perder ritmo, mas o trabalho efectuado pela sua equipa a afinação base usada para a corrida prometem para a próxima corrida em Aragón dentro de duas semanas.

Depois de forte warm up e boa partida Nicky Hayden caiu à saída da Curva 15 na terceira volta e não conseguiu voltar à pista. Um infeliz final antecipado para o americano.

Valentino Rossi:

“Estou muito contente porque não espera tanto. Não pesei que fosse capaz de ficar com o segundo grupo, que é o nosso objectivo neste momento, mas conseguimos fazê-lo durante metade da corrida. Ainda não fomos capazes de atacar como queríamos, mas de todas as formas estivemos lá. Comecei muito bem da quarta linha e fui um pouco louco nas primeiras três curvas porque tive de puxar apesar dos pingos de chuva. Depois disso foi bom. Mantive-me com o Simoncelli e o Dovi durante algum tempo e depois também lutei com o Spies e mantivemos bom ritmo. Esta manhã fizemos uma boa alteração à frente da moto e se o tivéssemos feito ontem talvez tivesse partido mais perto da frente. Acabou por ser uma das minhas melhores corridas do ano, se bem que não nos podemos esquecer que estamos apenas a falar do sétimo lugar. Mesmo assim, foi uma boa corrida perante um bom público. Estamos relativamente satisfeitos porque esperamos dar os passos necessário em frente.”

Nicky Hayden:
“É claro que foi uma corrida desapontante. A equipa fez bom trabalho, com algumas alterações durante a noite, e esta manhã consegui ser uns décimos mais rápido que na qualificação, com bom ritmo. Pensei que tínhamos mais hipóteses para a corrida. Chuviscou no início, o que normalmente é bom para a nossa moto. Fiz boa partida, senti-me bem, e estava a tentar chegar o mais longe possível. Depois perdi a frente à saída da Curva 15 e fui ao chão! Olhámos para os dados e não tenho a certeza do motivo pelo qual caí. Estava com muito cuidado por causa da chuva, pelo que o lado esquerdo do pneu talvez não estivesse suficientemente quente, mas não deixa de ser erro do piloto. Esta pista tem sido a pior do calendário para mim. Fazia-me falta alguma sorte, talvez surja em Aragón.”

Vittoriano Guareschi:
“Acho que hoje há coisas positivas que temos de considerar. Fizemos uma alteração à moto do Valentino que lhe permitiu manter melhor ritmo na corrida que nos treinos e ele conseguiu lutar; fez uma boa partida e depois rodou rápido enquanto pôde. É claro que tenho pena da queda do Nicky porque ele fez um bom warm up esta manhã e também fez boa partida e passou muitos pilotos. Estamos a trabalhar muito e na próxima semana estaremos de volta à pista em Mugello para três dias de testes.”

Comunicado de imprensa Ducati Team

Tags:
MotoGP, 2011, GP APEROL DI SAN MARINO E DELLA RIVIERA DI RIMINI, Valentino Rossi, Nicky Hayden, Ducati Team

Outras actualizações que o podem interessar ›