Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Terol e Zarco disputam título na última corrida do ano

Terol e Zarco disputam título na última corrida do ano

O último título da história do Campeonato do Mundo de 125cc vai ser decidido neste fim-de-semana no Grande Prémio Generali da Comunidade Valenciana. O espanhol Nico Terol vai para a última jornada de 2011 com 20 pontos de vantagem sobre o gaulês Johann Zarco.

Nico Terol vai para o Grande Prémio Generali da Comunidade Valenciana deste fim-de-semana como forte favorito à conquista do último ceptro do Campeonato do Mundo de 125cc que se decide na última corrida das máquinas a 2 tempos.

O espanhol lidera com 20 pontos de vantagem sobre o francês Johann Zarco no topo da classificação e sabe que lhe basta terminar em 11º em Valência para conquistar o primeiro título Mundial da carreira. Esta é a quinta vez que o ceptro de 125cc é decidido no circuito Ricardo Tormo, em Valência, desde que a pista passou a receber a última ronda do calendário em 2002.

A impressionante prestação de Zarco desde 15º da grelha na Malásia, e com Terol a ter terminado em quinto, deu ao gaulês a possibilidade de levar a luta pelo título até à última jornada, mas parece que o piloto da Avant-AirAsia-Ajo vai ter de se contentar com o segundo posto atrás do homem da Bankia Aspar que esteve no pódio de Valência do ano passado.

Se a luta entre os dois primeiros parece estar já resolvida, o mesmo não se pode dizer sobre o terceiro posto. Sandro Cortese (Intact Racing Team Germany) está neste momento à frente do estreante Maverick Viñales (Blusens by Paris Hilton Racing) por apenas dois pontos e a dupla vai certamente apresentar forte prestação. A vitória de Viñales em Sepang, a terceira da época, foi a 15ª da Aprilia nas 125cc este ano – um novo recorde de maior número de triunfos na categoria por parte de um construtor. Viñales vai também receber o Troféu Michel Metraux na noite de domingo depois de ter sido eleito pelos seus pares como o melhor.

Héctor Faubel (Bankia Aspar) vai tentar terminar a época com resultado forte em casa, prova que já venceu por duas vezes nas 125cc, e Jonas Folger (Red Bull Ajo Motorsport) ainda tem a possibilidade de reclamar o quinto posto da geral se apresentar forte prestação.

Efrén Vázquez (Avant-AirAsia-Ajo) e Luis Salom (RW Racing GP) já garantiram as posições entre os dez primeiros, enquanto Alberto Moncayo (Andalucia Banca Civica) e Danny Kent (Red Bull Ajo Motorsport) vão lutar pelo último posto do Top 10.

Manuel Tatasciore (Phonica Racing) continua a substituir o lesionado Simone Grotzkyj, enquanto a prova contará com a participação de cinco wild cards. O dinamarquês Emil Meyer Petersen (Nordgren Racing), os espanhóis Daniel Ruiz (Larresport) e Juan F Guevara (Team Murcia Pramac), o britânico John McPhee (Racing Steps Foundation KRP) e o germânico Kevin Hanus (Team Hanusch) vão ganhar importante experiência no Campeonato do Mundo.

Tags:
125cc, 2011, GRAN PREMIO GENERALI DE LA COMUNITAT VALENCIANA

Outras actualizações que o podem interessar ›