Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Motos de 1000cc em ação em Sepang

Motos de 1000cc em ação em Sepang

O primeiro Teste Oficial de MotoGP™ de 2012 teve início na Malásia na terça-feira com a maioria das equipas presentes a fazerem rodar os seus novos protótipos de 1000cc até às 14 horas locais.

Após dois meses de afastamento das pistas, o paddock do MotoGP™ voltou à ação na terça-feira para o primeiro Teste Oficial de 2012 no Circuito Internacional de Sepang. Presentes estiveram as formações de fábrica, que deram continuidade ao trabalho de desenvolvimento das novas motos de 1000cc, além de várias outras formações que vão competir com máquinas CRT.

A pista húmida durante a manhã fez com que os pilotos esperassem tomarem o primeiro contacto com o asfalto apenas ao final da manhã para darem as primeiras voltas aos comandos das máquinas de 2012, excepto Casey Stoner.

Quem liderou o ritmo no topo da tabela de tempos depois do primeiro meio dia de ação foi Jorge Lorenzo, da Factory Yamaha, que assinou um tempo de 2m02,406s com a sua nova M1, enquanto Valentino Rossi fez a há muito esperada estreia aos comandos da nova Ducati Desmosedici GP12 e ficou a quatro décimos de segundo de Lorenzo, com Ben Spies logo atrás com uma volta em 2m02,930s.

Álvaro Bautista deu as primeiras voltas aos comandos da Honda da Gresini Team, registando forte estreia ao terminar a manhã em quarto, com Cal Crutchlow a seguir-se com a Yamaha Tech 3 em quinto e a garantir a segunda marca entre os homens das formações satélite.

No sexto posto ficou Dani Pedrosa, que chegou ao teste com um chassis padrão na sua Repsol Honda RC213V, bem diferente do do companheiro de equipa Casey Stoner, que optou por não rodar durante a manhã devido a distensão muscular nas costas. Ainda assim, o australiano comentou, depois de analisar a sua montada, que as alterações levadas a cabo desde o teste de novembro foram impressionantes. No seu lugar este o piloto de testes da Honda Kousuke Akiyoshi, que fez três voltas com a máquina de Stoner.

O americano Nicky Hayden tirou as primeiras impressões da GP12, somando dez voltas com a melhor marca de 2m04,665s, seguido do Campeão do Mundo de Moto2 Stefan Bradl com a LCR Honda. Ainda a recuperar de operação para colocação de placa na clavícula na sequência de incidente de motocross durante o defeso, Andrea Dovizioso foi o nome que se seguiu com a Yamaha Tech 3. O italiano vai utilizar o teste para se acostumar à sua nova montada.

Hector Barbará garantiu como melhor registo um tempo de 2m05,112s com a Pramac Racing Ducati, oito décimos de segundo mais lesto que Karel Abraham, que se vai centrar na afinação da posição de pilotagem e testar eletrónica e pneus.

A nova equipa Avintia Racing viu o piloto Ivan Silva e o substituto Jordi Torres rodarem nos segundos 2m11s e 2m12s, respectivamente, terminando à frente de Colin Edwards, da Forword Racing, que está a trabalhar arduamente no desenvolvimento da eletrónica da Suter-BMW.

Junte-se ao motogp.com para um resumo completo do dia de Testes assim que a ação de hoje terminar e mantenha-se ao corrente dos tempos aqui.

Tags:
MotoGP, 2012

Outras actualizações que o podem interessar ›