Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Lüthi na frente das Moto2™ em Jerez

Lüthi na frente das Moto2™ em Jerez

O circuito de Jerez recebe o segundo teste da época de 2012 da classe de Moto2. Lüthi foi o melhor da categoria intermédia neste primeiro dia em que os pilotos reataram o trabalho com vista ao início da temporada de 2012.

Apesar do sul de Espanha ter apresentado melhores condições climatéricas que Valência na semana passada, a manhã fria atrasou o trabalho da Moto2 até que a temperatura da pista estivesse aceitável. Durante a tarde, contudo, todos os pilotos foram para a pista para prepararem a época que têm pela frente.

Thomas Lüthi registou o melhor tempo, rodando com a Suter da Interwetten Paddock em 1m43,0s, dois décimos de segundo mais rápido que Claudio Corti, da Italtrans Racing Kalex, e seis décimos mais lesto que Takaaki Nakagam, também ele da formação italiana.

A dupla da Marc VDS completou a lista dos cinco primeiros, com Mika Kallio à frente do companheiro de equipa Scott Redding. O inglês, que foi o mais rápido no teste da semana passada em Valência, usou o dia para encontrar soluções para alguns problemas de vibrações que sentiu aos comandos da sua Kalex.

Bradley Smith, da Tech 3 Racing, assinou o oitavo tempo apesar de alguns problemas técnicos com o novo chassis da Tech 3 e que o impediram de completar as voltas que a equipa queria. Contudo, o britânico manteve-se animado, dizendo “é para isso que os testes servem.”

Julian Simón ainda se está a ajustar à mudança para a moto FTR (vindo da Suter) e ele e a equipa Avintia Racing Moto2 passaram o primeiro dia de Jerez atarefados em busca de afinação base ideal para a geometria do chassis. A equipa não facultou tempos.

A Aspar Team Moto2 focou-se em diferentes objectivos para os seus pilotos; procurou mais velocidade de ponta para o antigo Campeão de Moto2 Toni Elias, que foi 16º, e desenvolveu a afinação para melhorar a aderência traseira para Nico Terol, que terminou em 14º.

O vice-Campeão do Mundo de Moto2 de 2011 e candidato ao ceptro deste ano, Marc Márquez, continua a recuperar da operação ao olho e não está presente no ensaio.

Tempos oficiosos de Moto2 de quinta-feira (facultados pelas equipas). As equipas que não estão na lista não deram tempos:

1. Thomas Luthi, INTERWETTEN PADDOCK, 1’43.0 (63 voltas)
2. Claudio Corti, ITALTRANS RACING TEAM, 1’43.2 (66 voltas)
3. Takaaki Nakagami, ITALTRANS RACING TEAM, 1’43.6 (65 voltas)
4. Mika Kallio, MARC VDS RACING TEAM, 1’43.6 (65 voltas)
5. Scott Redding, MARC VDS RACING TEAM , 1’43.6 (72 voltas)
6. Andrea Iannone, SPEED MASTER, 1’43.7 (48 voltas)
7. Alex De Angelis, NGM MOBILE FORWARD RACING, 1’43.8 (53 voltas)
8. Bradley Smith, TECH 3 RACING , 1’43.8 (61 voltas)
9. Simone Corsi, IODARACING PROJECT , 1’43.9 (42 voltas)
10. Yuki Takahashi, NGM MOBILE FORWARD RACING, 1’44.1
11. Randy Krummenacher, GP TEAM SWITZERLAND, 1’44.2
12. Mike Di Meglio, SPEED UP, 1’44.2 (50 voltas)
13. Xavier Simeon, TECH 3 RACING, 1’44.2 (61 voltas)
14. Nico Terol, ASPAR TEAM Moto2, 1’44.3 (55 voltas)
15. Gino Rea, GRESINI RACING Moto2, 1’44.4
16. Toni Elías, ASPAR TEAM Moto2, 1’44.5 (85 voltas)
17. Max Neukirchner, KIEFER RACING, 1’44.8
18. Ricky Cardus, ARGUIÑANO RACING TEAM, 1’45.2 (63 voltas)
19. Johann Zarco, JIR Moto2, 1’45.4 (49 voltas)
20. Roberto Rolfo, TECHNOMAG-CIP, 1’45.7 (60 voltas)
21. Dominique Aegerter, TECHNOMAG-CIP, 1’46.0 (77 voltas)
22. Eric Granado, JIR Moto2, 1’47.0 (43 voltas)
23. Damian Cudlin, QMMF RACING TEAM, 1’47.4 (75 voltas)
24. Elena Rosell, QMMF RACING TEAM, 1’47.7 (84 voltas)

Tags:
Moto2, 2012

Outras actualizações que o podem interessar ›