Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Danny Kent foi o melhor piloto KMT do pelotão deMoto3™

Danny Kent foi o melhor piloto KMT do pelotão deMoto3™

Os pilotos das novas motos KTM Moto3™ e das Kalex-KTM completaram o segundo Teste Oficial de três dias com Danny Kent, da REd Bull KTM Ajo, a encabeçar a tabela de tempos ao longo dos três dias.

A rodar quase com condições perfeitas no terceiro e último dia, Kent dominou as tabelas de tempos ao registar uma marca de 1m47,1s, quatro décimos de segundo à frente de Maverick Viñales, da Avintia Racing e considerado um dos favoritos ao ceptro da nova classe de Moto3. Houve mais pilotos a rodarem com motos KTM Moto3 e Kalex-KTM a dominarem a lista dos dez primeiros, sendo que os tempos foram fornecidos pelas equipas.

O jovem britânico revelou que no final do segundo dia chegou mesmo a rodar mais rápido que na corrida do ano passado com a 125cc. "Sinto-me confiante e está tudo a correr bem. Hoje também conseguimos fazer uma simulação de corrida e aprendemos algo novo a cada volta dada."

O companheiro de equipa de Kent, Sandro Cortese, que foi o mais rápido na última sessão de testes em Valência, também esteve entre os líderes no primeiro dia. Ele sofreu queda na sexta-feira, mas voltou à acção e, de acordo com o patrão da equipa Aki Ajo, melhorou de forma consistente ao final do último dia, no sábado. "Por vezes, nos testes sofrem-se quedas quando se tenta ser rápido, mas tenho boas sensações. Estivemos sempre com os da frente," disse Cortese.

Aki Ajo também revelou que o seu terceiro piloto Arthur Sissis, que foi segundo da geral na Red Bull MotoGP Rookies Cup de 2011, "melhorou muito e agora está ao pé dos dez primeiros."

Uma vez mais em destaque entre os pilotos mais rápidos estiveram os dois jovens da Aspar Team Moto3, Alberto Moncayo e Hector Faubel, ambos a rodarem com montadas Kalex dotadas de motores KTM, enquanto outros pilotos KTM estiveram também entre os melhores na pista espanhola.

"Jerez é uma pista muito diferente da de Valência, mas aqui vimos que é favorável ao Danny Kent," disse o patrão da formação. "Não temos grandes problemas e estamos contentes por os motores estarem a trabalhar bem, pelo que estamos basicamente a trabalhar nas afinações. Agora temos muito árduo trabalho a fazer e o Departamento de Competição da KTM vai ter de preparar os próximos testes dentro de três semanas e, é claro, o início da época."

Alex Baumgaertel, da KALEX-KTM, também descreveu o ensaio como promissor e disse que estão no bom caminho no que toca aos preparativos. "Perdemos algum tempo ontem quando o Luis Salom (RW Racing – KALEX-KTM) caiu e também com a queda do Moncayo. Eles não se lesionaram, mas isso atrasou um pouco os nossos preparativos. Mas no final do dia tivemos condições quase perfeitas e pelas 14 horas a temperatura do asfalto estava acima dos 30ºC e isso foi bom para nós. Sabemos que podemos melhorar mais no próximo teste de Jerez."

Tags:
Moto3, 2012

Outras actualizações que o podem interessar ›