Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Spies lidera quando chuva pára acção em pista em Sepang

Spies lidera quando chuva pára acção em pista em Sepang

A chuva intermitente obrigou à interrupção da acção em pista a meio do segundo dia do Teste Oficial de MotoGP™ em Sepang, com Ben Spies e Jorge Lorenzo a liderarem a tabela de tempos e sem a Honda a ter ainda ido para a pista.

Houve muita actividade ao início do segundo dia de testes no circuito da Malásia, com os pilotos que foram logo para a pista a melhorarem os seus registos face ao dia de ontem graças às temperaturas de pista mais frescas. Ausente da pista estiveram, contudo, todos os pilotos Honda; Casey Stoner e Dani Pedrosa, da Repsol Honda, Stefan Bral, da LCR, e Álvaro Bautista, da San Carlo Gresini, não entraram em pista devido a problemas técnicos que podem estar relacionados com a falha de electrónica que Pedrosa teve ontem. Um comunicado oficial da HRC deverá ser divulgado ainda hoje.

Ben Spies liderou a tabela de tempos a meio do dia com 2m01,285s, 1,6s mais rápido que a sua melhor marca de ontem e meio segundo melhor que o tempo assinado por Casey Stoner. Jorge Lorenzo foi o nome que se seguiu com a sua Factory Yamaha. O espanhol ficou a 0,008c da frente (1,2s mais rápido que o seu registo de ontem), com a dupla a testar as melhorias na electrónica, chassis e motor para ajudar à saída das curvas.

Andrea Dovizioso e Cal Crutchlow (Monster Yamaha Tech 3) foram terceiro e quarto, ambos a rodarem quase a dois segundos dos seus melhores tempos de ontem, com o britânico a mostrar-se satisfeito com uma nova especificação de motor que está a testar, mas revelou que exige um ajuste ao estilo de pilotagem. Nicky Hayden (Ducati Team) foi quinto, com Hector Barberá e Valentino Rossi a ficarem logo atrás, todos eles a melhorarem as marcas de ontem.

A chuva mandou todos os pilotos para as garagens, excepto Héctor Barberá, que se aventurou em pista com a sua Pramac Racing Ducati no molhado. O espanhol rodou com a nova luz traseira que será obrigatória à chuva em 2012. Lençóis de água na pista levaram Barberá a entrar em aqua-planing na Curva 13 e a sofrer queda, mas saiu ileso do contratempo.

Colin Edwards, da NGM Mobile Forward Racing, encontrou problemas de electrónica com a travagem de motor, mas a equipa conseguiu resolvê-los e Edwards revelou-se depois satisfeito com os progressos feitos, isto apesar do problema não lhe ter permitido melhorar o tempo de ontem.

Karel Abraham vai estar ausente do teste. O piloto da Cardion AB Motoracing retirou-se do evento ontem depois de não ter conseguido rodar devido às lesões contraídas na semana passada no teste privado de Jerez.

Junte-se ao motogp.com para um resumo completo ao final do dia de testes e mantenha-se ao corrente dos tempos carregando aqui.

Tags:
MotoGP, 2012

Outras actualizações que o podem interessar ›