Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Ellison satisfeito com fim-de-semana “positivo”

Ellison satisfeito com fim-de-semana “positivo”

O britânico James Ellison deu início à mais recente aventura da Paul Bird Motorsport Team com sólido resultado na primeira jornada do Campeonato do Mundo de MotoGP™ no Qatar.

Aos comandos de uma CRT Aprilia ART, o inglês de 31 anos e a PBM UK Team, liderada por Phil Borley, deram continuidade ao trabalho de desenvolvimento no circuito de Losail e terminaram com o 18º posto no final da corrida disputada sob as luzes artificiais na noite de domingo.

Apesar de ainda haver muito trabalho a fazer, o antigo Campeão do Mundo de Endurance e bi-Campeão da Europa de Superstock fez grandes melhorias enquanto a equipa se estabelece no MotoGP e que nas próximas épocas deverá apresentar um desafio totalmente britânico.

James Ellison:
"Tendo tudo em conta, foi um fim-de-semana positivo porque recolhemos informações mais importantes na corrida que nos poucos dias de testes que tivemos antes do Qatar. Compreendo como a moto, pneus e travões têm de ser utilizados, mas é muito como rodar no fio da navalha para encontrar os limites e não cair. Temos de travar muito forte para gerar calor nos discos e, ao mesmo tempo, deformar o pneu o bastante para gerar calor à entrada em curva. Mas se vamos a travar para a curva o pneu dobre e temos subviragem, ou até podemos mesmo cair como me aconteceu; se largarmos cedo demais temos vibrações, se fizermos tudo bem temos aderência e fazemos a curva de forma suave. Estamos a falar de fracções de segundo em termos de tempos e duma diferença de 0,2 a 2 bar na pressão de travagem, pelo que é fácil de compreender que vamos levar algum tempo a ter isto tudo certo. Toda a equipa teve um fim-de-semana muito trabalhoso com o programa nocturno, mas manteve-se optimista o tempo todo. Gostaria de agradecer a todos eles pelo trabalho efectuado e agora estou desejoso por Jerez."

Paul Bird:
"É um progresso lento, mas vai acabar por trazer dividendos e esperamos estar a lutar na frente das CRT em breve. Vamos levar algumas corridas para lá chegarmos porque não tivemos os mesmos testes, ou desenvolvimentos que outras equipas, mas foi importante terminar no Qatar. Vamos continuar a trabalhar arduamente e esperamos melhorar mais em Jerez."

Tags:
MotoGP, 2012, COMMERCIALBANK GRAND PRIX OF QATAR, James Ellison, Paul Bird Motorsport

Outras actualizações que o podem interessar ›