Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Spies de olhos no pódio de Jerez

Spies de olhos no pódio de Jerez

Após difícil início de época na primeira jornada do Campeonato de MotoGP™ no Qatar, Ben Spies, da Factory Yamaha Racing prometeu resposta forte na corrida deste fim-de-semana em Jerez e está apostado no pódio.

O americano teve corrida dura em Losail ao terminar em 11º, consequência de problemas crónicos de vibrações após algumas quedas antes da corrida que complicaram a afinação da moto. O circuito andaluz é local de memórias ainda piores para Spies, já que foi nesta pista que caiu no ano passado quando rodava em segundo a três voltas do final na muito molhada corrida. Um desfecho ao qual se junta ainda a desistência de 2010.

Contudo, o antigo Campeão do Mundo de Superbike está motivado e sente que tem ritmo e confiança para lutar pelo pódio nesta visita.

Spies: “Sinto-me bem, ainda não tive bons resultados em Jerez, mas tivemos um teste muito positivo aqui, pelo que estou confiante. A Yamaha M1 está a funcionar bem em todos os circuitos onde já estivemos. Depois do duro início no Qatar o meu objectivo em Jerez é começar a época outra vez, vou dar o meu melhor. Tivemos um bom fim-de-semana no Qatar, excepto a corrida, sabemos que o nosso ritmo é forte, a moto está competitiva e estou a rodar bem, pelo que devemos ter um bom fim-de-semana.”

 

Spies está claramente motivado pelos resultados de pré-época na pista com a Yamaha YZR-M1, traçado onde terminou o teste oficial de MotoGP™ em quarto a apenas 0,715s de Casey Stoner, da Repsol Honda, no início do ano.

O Directo Desportivo Massimo Meregalli revela as mesmas ideias que Spies: “Vamos para Jerez na melhor forma possível depois da vitória do Jorge no Qatar. A equipa está muito confiante, acreditamos que seremos capazes de continuar a apresentar fortes resultados. Apesar do problema que o Ben teve na corrida, ele esteve muito forte ao longo do fim-de-semana no Qatar durante os treinos, pelo que sabemos que podemos ser muito competitivos contra os nossos rivais. Quando testámos aqui no início do ano a 1000cc M1 esteve rápida desde o primeiro momento, por isso esperamos começar da mesma forma na sexta-feira.”

 

Tags:
MotoGP, 2012, GRAN PREMIO bwin DE ESPANA, Ben Spies, Yamaha Factory Racing

Outras actualizações que o podem interessar ›