Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Forte segundo lugar para Lorenzo em Jerez

Forte segundo lugar para Lorenzo em Jerez

Jorge Lorenzo, da Yamaha Factory Racing, deu continuidade ao pleno de pódios da categoria rainha em Jerez pelo terceiro ano consecutivo neste domingo ao terminar em segundo no Grande Prémio de Espanha.

Vindo da pole, Lorenzo começou por cair para terceiro, mas depressa ascendeu a segundo na terceira volta, atrás do líder Casey Stoner. A margem nunca foi muito maior que um segundo, chegando mesmo a ser de apenas de 0,2s nas últimas voltas. Infelizmente, por esta altura o pneu macio já não permitiu a Lorenzo passar para a frente. Ele cruzou a meta a 0,947s de Stoner, somando mais 20 pontos no Campeonato, o que lhe permite chegar ao Estoril com quatro pontos de margem e um total de 45.

Ben Spies teve hoje uma segunda corrida desapontante. Apesar de boa partida o texano não conseguiu encontrar boas sensações com a frente da sua M1 e rodou com cautela para evitar quedas. Ele terminou na mesma posição que no Qatar, em 11º para somar mais cinco pontos no Campeonato e ocupar a 11ª posição da geral com dez pontos.

Jorge Lorenzo

“Sabia que ia ser muito importante a escolha do pneu frontal na grelha hoje. Acabei por optar pelo macio, mas infelizmente foi a escolha errada e tive muitos problemas durante a corrida, não estava tão confiante como nos treinos. Sem boas sensações, terminar em segundo não é muito mau; ainda estamos na frente do Campeonato e estamos motivados para o Estoril.”

Ben Spies

“Não sei o que aconteceu, parti bem, mas depois disso não tive boas sensações com a moto, foi uma corrida patética para mim. Pedi desculpas à equipa e tivemos uma reunião sobre as minhas sensações com a moto. Não me sentia confortável, rodei o melhor que pude, mas a velocidade não estava lá. Temos de encontrar algo porque é visível que as Yamaha estão a funcionar bem, mas as minhas sensação com a moto não são boas. Foi um mau dia hoje.”

Massimo Meregalli, Director de Equipa

“Foi um fim-de-semana complicado para toda a equipa, é claro que estamos muito contentes com a prestação do Jorge, ele mostrou grande maturidade para somar o maior número de pontos possível e manter a liderança para o Estoril. Para o Ben foi uma corrida desapontante, sabemos que ele tentou tudo, mas infelizmente não encontrou boas sensações com a afinação, pelo que não conseguiu lutar com os da frente. Vamos trabalhar arduamente até ao Estoril para ver o que pudemos fazer para melhorar para a próxima corrida.”

Comunicado de imprensa Yamaha Factory Racing.

Tags:
MotoGP, 2012, GRAN PREMIO bwin DE ESPANA, Jorge Lorenzo, Ben Spies, Yamaha Factory Racing

Outras actualizações que o podem interessar ›