Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Soberba vitória de Stoner e mais um pódio de Pedrosa em Jerez

Soberba vitória de Stoner e mais um pódio de Pedrosa em Jerez

Casey Stoner assinou a primeira vitória de MotoGP™ no Grande Prémio bwin de Espanha, em Jerez, e Dani Pedrosa terminou a sua 100ª corrida da categoria rainha em terceiro num domingo onde a Repsol Honda festejou o segundo duplo pódio consecutivo da época.

O actual Campeão do Mundo teve difícil início, mas depressa recuperou, mostrando ter um trunfo na manga para lutar pela primeira vitória da época após soberba corrida perante um forte Lorenzo.

 

Dani Pedrosa voltou a fazer uma partida perfeita, mas viu-se batido na segunda volta e caiu para quarto. O espanhol foi cauteloso no início e perdeu tempo precioso que não conseguiria depois recuperar na segunda metade da corrida, quando começou a rodar mais rápido que os líderes.

 

Dani recuperou três segundos nas últimas 13 voltas e defendeu-se bem dos intentos de Cal Crutchlow para terminar no pódio de Jerez pelo oitavo ano consecutivo.

Casey Stoner

"Não fiz uma boa partida, pelo que tentei evitar a confusão, houve gente a travar outros, toques e era importante não ser apanhado por qualquer confusão! Depois consegui ganhar muitas posições em curto espaço de tempo e chegar à frente. Não tentei ganhar vantagem porque sabia que o Jorge e o Dani estavam muito rápidos, mas queria ficar na frente com eles e fugir dos outros. Depois vi que o Jorge e eu tínhamos um ritmo um pouco melhor e que podíamos ganhar vantagem. Foquei-me no caminho que queria seguir porque havia muitas zonas com água e era fácil cometer um erro. Gerimos a corrida em função das condições do circuito e conforme foram melhorando puxei um pouco mais, a moto estava muito melhor que na qualificação. Senti alguma pressão muscular no braço outra vez, mas felizmente não foi tão forte como no Qatar. Tendo em conta o fim-de-semana no seu todo e quão rápidos estavam o Dani e o Jorge nesta pista, vencer aqui é algo de especial para mim.”

Dani Pedrosa

"Foi uma corrida estranha para mim. Na grelha pensei que talvez não fosse uma corrida totalmente seca, pelo que tive muita cautela no início, ainda para mais depois de ter visto tantas quedas no início da Moto3 e da Moto2. Comecei bem, mas fui passado e depois perdi muito tempo com o Dovizioso e o Hayden. Quando os consegui ultrapassar e chegar a terceiro o Casey e o Jorge já estavam muito longe, quatro segundos à frente. Concentrei-me e comecei ao aumentar o ritmo, mas ao mesmo tempo isso foi difícil porque o Crutchlow tinha um pneu frontal duro e estava a pressionar-me muito, a travar forte nas últimas voltas. De forma geral, estou contente com a minha prestação num fim-de-semana tão complicado. Um segundo e um terceiro lugar não são os melhores resultados, mas é um bom início de época.”

Comunicado de imprensa Repsol Honda Team.

Tags:
MotoGP, 2012, GRAN PREMIO bwin DE ESPANA, RAC, Casey Stoner, Dani Pedrosa, Repsol Honda Team

Outras actualizações que o podem interessar ›