Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Edwards traído por falta de tempo em pista seca em Jerez

Não foi um fim-de-semana de corridas muito positivo para Colin Edwards e para a NGM Mobile Forward Racing no GP de Jerez, com o trabalho nas afinações de molhado a ser depois baralhado pela corrida no seco.

Ainda assim, a equipa ficou satisfeita por ter terminado a corrida e pelos importantes dados recolhidos para continuar o desenvolvimento do protótipo Suter-BMW com vista à terceira corrida do Campeonato do Mundo no próximo fim-de-semana no Estoril.

Colin Edwards – 16º

“Não tivemos muito tempo de pista seca este fim-de-semana, pelo que afinação de seco foi uma espécie de adivinha; alterámos muito a moto este fim-de-semana em comparação com a que usámos no teste de Março aqui e com isso reduzimos algumas vibrações. Montámos o novo Bridgestone frontal e funcionou bem. Com uma moto mais curta e sem tempo no seco levei algum tempo a habituar-me a ela e a tentar controlar os cavalinhos. Sabíamos que ser uma luta árdua aqui depois da forma como as coisas correram aqui no teste de Inverno. Obrigado a toda a equipa, tentámos tudo para encontrar uma afinação. Só não tivemos tempo suficiente para o conseguir.”

Kornelis Veldeman – Chefe de Equipa

“Estou contente por termos terminado a corrida depois da queda de sábado e dos problemas que tivemos com a segunda moto. Por um lado, estou contente com o resultado porque agora fizemos a distância de corrida em condições de piso molhado e recolhemos muitos dados que vamos analisar para a próxima corrida. Aprendemos muito e vimos que não estamos com o ritmo que precisamos quando nos deparamos com situações climatéricas instáveis com mudanças de seco para molhado, ou vice versa, e isto é algo em que temos de trabalhar. Por outro lado, estamos desapontados com este resultado, esperávamos terminar nos pontos.”

Tags:
MotoGP, 2012, Colin Edwards, NGM Mobile Forward Racing

Outras actualizações que o podem interessar ›