Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Dupla da Repsol Honda apostada no pódio em Le Mans

Dupla da Repsol Honda apostada no pódio em Le Mans

Os pilotos da Repsol Honda Team Casey Stoner e Dani Pedrosa rumam ao Monster Energy Grand Prix de France deste fim-de-semana com o objectivo de repetirem os duplos pódios conseguidos em todas as jornadas já disputadas este ano.

Stoner, que triunfou no Estoril há pouco mais de uma semana e garantiu o 18º pódio consecutivo, venceu em Le Mans em 2011 e espera voltar a triunfar após duas sólidas vitórias consecutivas.

 

Pedrosa assinou o 100ª pódio da carreira em Portugal e regressa a Le Mans de olhos postos numa corrida muito melhor que a do ano passado, altura em que fracturou a clavícula numa colisão com o falecido Marco Simoncelli. Contudo, ele deverá sentir-se motivado por ter assinado o recorde e a volta mais rápida da corrida pouco antes do incidente.

  

O traçado gaulês localiza-se 200km a Sudeste de Paris, é uma pista apertada, dominada por curvas em primeira velocidade, travagens tardias e acelerações fortes.

Casey Stoner

“As duas últimas pistas historicamente não têm sido as minhas melhores, mas conseguir vencer em ambas, pelo que espero ir para Le Mans e estar competitivo uma vez mais. Tive alguns resultados mistos aqui no passado, o desenho da pista é único, é um pouco “stop and go”, com muitas travagens e penso que este ano tanto a Honda como a Yamaha vão estar competitivas aqui. O tempo no Estoril foi desapontante na segunda-feira, o que nos impediu de testar, temos de trabalhar no problema de vibrações que temos tido com a moto, pelo que esperamos ter algumas sessões secas desde o primeiro dia em Le Mans para podermos ir para a pista trabalhar nisso.”

Dani Pedrosa

“Le Mans é um circuito duro, muito semelhante ao Estoril, uma pista “stop and go” onde temos de preparar a moto com boa estabilidade, tracção e aceleração. No passado senti-me confortável a rodar aqui, tive bons resultados nas 125cc e nas 250cc, mas no MotoGP não tem sido perfeito, pelo que há algo em mim que quero atingir. No ano passado fiz a melhor volta da corrida, mas não consegui manter o ritmo antes do acidente, agora quero fazer melhor. Tivemos boas corridas até ao momento, estou a rodar bem, mas faltou-me algo em todas elas, especialmente nas primeiras voltas, onde no passado estava mais forte. Tenho de juntar tudo e se fizer melhores inícios de corrida começaremos a vencer corridas.”

Tags:
MotoGP, 2012, MONSTER ENERGY GRAND PRIX DE FRANCE, Casey Stoner, Dani Pedrosa, Repsol Honda Team

Outras actualizações que o podem interessar ›