Compra de bilhetes
Compra de VideoPass

Pedrosa mais rápido antes da qualificação na Catalunha

Dani Pedrosa, da Repsol Honda Team, marcou o ritmo na último sessão de livres do Gran Premi Aperol de Catalunya à frente do companheiro de equipa Casey Stoner.

Pedrosa liderou a dupla da Repsol com um tempo de 1m41,646s, conseguido com composto traseiro macio, enquanto Stoner ficou a pouco mais de três décimos do ritmo. Contudo, Stoner assinou a sua melhor marca com o composto traseiro duro, sendo um dos poucos pilotos a registar um tempo rápido com esta borracha. O terceiro lugar foi ocupado pelo antigo companheiro de equipa Andrea Dovizioso aos comandos da máquina da Monster Yamaha Tech 3, que ficou muito próximo do australiano.

Héctor Barberá, da Pramac Racing Team, gosta claramente de correr em casa, e voltou a ser o melhor piloto Ducati ao terminar em quarto. Contudo, foi Nicky Hayden (Ducati Team) quem chamou mais à atenção ao terminar em quinto também com traseiro de composto duro. O sexto posto foi assinado por Jorgre Lorenzo (Yamaha Factory Racing), que não conseguiu igualar o ritmo de ontem.

Em sétimo ficou Stefan Bradl (LCR Honda MotoGP) parece estar a adaptar-se ao traçado catalão aos comandos de uma máquina de MotoGP, relegando o companheiro de equipa de Dovizioso, Cal Crutchlow, para oitavo. Valentino Rossi, da Ducati, mostrou ligeiras melhorias depois da desilusão de ontem e terminou em nono. O italiano voltou ao braço oscilante de carbono depois de ter rodado ontem com um novo em alumínio. Álvaro Bautista (San Carlo Honda Gresini) fechou a lista dos dez primeiros. A melhor posição entre as CRT foi da autoria de Aleix Espargaró, da Power Electronics Aspar, em 12º.

Não houve quedas a registar durante a sessão, contudo vários pilotos, incluindo Espargaró, Barberá e o companheiro de equipa de Bautista, Michele Pirro, sofreram saídas de pistas quando estavam a puxar mais forte.

Tags:
MotoGP, 2012, FP3

Outras actualizações que o podem interessar ›