Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Fantástica qualificação para Stoner e Pedrosa

Casey Stoner vai partir para o Dutch TT de amanhã desde a pole, com o companheiro de equipa Dani Pedrosa a seu lado após uma das melhores sessões de qualificação da época para a Repsol Honda Team.

A sessão foi interrompida por duas vezes devido a chuva fraca e as derradeiras posições da grelha só ficaram definidas nas últimas voltas rápidas. Stoner fez um trabalho fantástico ao deixar para trás o acidente da manhã; o australiano era nono na grelha a minutos do final da sessão, mas apresentou uma volta canhão para garantir a terceira pole da época, após Portugal e Catalunha.

   

Pedrosa, acabou por concluir a sessão em segundo a apenas um décimo do companheiro de equipa. O espanhol liderava a tabela de tempos aquando das duas paragens provocadas pela chuva, mas perdeu a oportunidade de terminar na pole ao alargar a trajectória na sua última volta.

Casey Stoner

"Esta manhã tive, provavelmente, uma das minhas maiores quedas, o que quer dizer algo! A queda deixou-me mesmo sem ar, magoei-me na cabeça, pescoço, pulso, joelho e ombro, foi mesmo má. A equipa fez um trabalho fantástico, deram o máximo mesmo quando eu não estava a rodar com todo o meu potencial, ou com o da moto e quando estávamos a lutar para fazer o pneu traseiro funcionar; eles nunca desistiram. Depois voltámos ao pneu traseiro macio pela primeira vez desde FP1, a moto dava muito mais sensações e conseguimos apresentar uma volta brilhante e terminar na pole. No que toca à corrida, ainda estamos a lutar e temos de trabalhar nisto e tomar algumas decisões antes da corrida."

Dani Pedrosa

"Fizemos um trabalho muito bom em todas as sessões de treinos e estou contente com a minha qualificação, mesmo tendo perdido a pole no final. O objectivo era a primeira linha, porque a primeira curva aqui é muito fechada e apertada, e trabalhar arduamente para encontrar bom ritmo de corrida; penso que fizemos tudo bem. Parece que o pneu macio dá muito potencial, mas não temos 100% de certeza para a distância da corrida, especialmente no lado esquerdo, que é mais macio. Aqui é importante ter boa estabilidade à saída das curvas e com o composto duro conseguimos isso, pelo que temos de esperar e ver que condições vamos ter amanhã e fazer o melhor na corrida.”

Comunicado de imprensa Repsol Honda Team.

Tags:
MotoGP, 2012, Casey Stoner, Dani Pedrosa, Repsol Honda Team

Outras actualizações que o podem interessar ›