Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Abraham no topo nas condições traiçoeiras de FP2 em Misano

A segunda sessão de livres não esteve totalmente seca, nem totalmente molhada no Grande Prémio Aperol de São Marino e da Riviera de Rimini, em Misano, mas foi Karel Abraham, da Cardion AB Racing, quem esteve melhor ao assinar a volta mais rápida à frente de Danilo Petrucci e James Ellison.

Com apenas 13 pilotos a rodarem na pista parcialmente seca e com chuviscos passageiros, os homens da frente, como Jorge Lorenzo (Yamaha Factory Racing) e Dani Pedrosa (Repsol Honda), optaram por não sair das boxes uma vez que não havia nada a ganhar em condições mistas.

O tempo de Abraham no segundo 42 baixo foi o bastante para relegar James Ellison (Paul Bird Motorsport) para segundo, o que se traduziu na liderança do pelotão das CRT. Michele Pirro (San Carlo Honda Gresini) foi terceiro com a FTR-Honda perante o público da casa. O quarto registo ficou a cargo de Yonny Hernandez (Avintia Blusens), que foi apanhado pelas condições da pista a meio do treino e caiu depois de perder a frente da moto.

Jonathan Rea (Repsol Honda Team) assinou um tempo a menos de três segundos da frente na estreia no MotoGP™. Danilo Petrucci (Came IodaRacing Project) foi sexto aos comandos da sua nova Ioda-Suter BMW enquanto tentava familiarizar-se com a mais recente montada. Em sétimo ficou David Salim (Avintia Blusens), que também foi para a pista apesar das condições, levando a cabo aquela que foi apenas a sua segunda saída com uma máquina de MotoGP™.

Ben Spies (Yamaha) foi oitavo depois de passar breves momentos em pista antes de voltar para as boxes. Randy de Puniet (Power Electronics Aspar) e Mattia Pasini (Speed Master) completaram a lista dos dez primeiros. Álvaro Bautista (San Carlo) foi 11º, enquanto os pilotos da casa Valentino Rossi (Ducati Team) e Andrea Dovizioso (Monster Yamaha Tech 3) efectuaram apenas uma volta não cronometrada.

Tags:
MotoGP, 2012, FP2

Outras actualizações que o podem interessar ›